Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

1 de Agosto sem margem para erro

Jorge Neto - 26 de Junho, 2018

Campeo empatou nos ltimos quatro jogos que disputou e viu o Petro reduzir a diferena na tabela de classificao

Fotografia: Vigas da Purificao | Edies Novembro

O técnico do 1º de Agosto, Zoran Maki, vai fazer algumas alterações à equipa que defrontar a formação da Académica do Lobito, hoje às 17h30, no Estádio 11 de Novembro, cuja ambição é o regresso às vitórias no Girabola Zap, após quatro jornadas sem fazer o pleno.
Os bi-cam-peões nacionais estão pressionados, dado o triunfo do segundo classificado (Petro de Luanda) na ronda anterior, por isso, concentram todas as atenções neste desafio, daí a motivação da equipa técnica em colocar em campo o melhor \"onze\" possível, dado que a equipa da académica é um adversário difícil, apesar da diferença na classificação.
Além da indefinição da entrada ou não de Bobó, no centro da defesa, é mais do que provável o regresso do médio Ibukun, ausente do jogo passado por estar a recuperar de uma mazela, e do extremo Geraldo que saiu do banco no segundo tempo,  na jornada anterior.
Conta-se ainda, com às opções de Mongo, no meio -campo, que não chegou a receber a confiança da equipa técnica na ronda passada, apesar de  convocado. O técnico Zoran Maki tem a responsabilidade de fazer que os jogadores rendam o máximo, dado que possui um plantel com várias opções, pelo que vai apostar em algumas mudanças.
Do lado contrário, ficam ausentes deste jogo, os médios Macaia e Nelson da Luz, assim como o lateral esquerdo Natael, que se encontram lesionados. Os três jogadores ainda não alinharam na segunda volta do campeonato nacional.
A última exibição dos rubro -negros no campeonato não foi convincente, pelo que ambicionam melhorar neste aspecto e aliar a um resultado positivo, dado que estão sem margem para erro, sob o risco de ver ameaçada a liderança da competição. Os militares reconhecem que atravessam uma crise de empates, mantêm o foco no trabalho para ultrapassar esta fase negativa, tal como disse à imprensa, recentemente, o técnico -adjunto Ivo Traça.
\"Acho, que estamos a viver um mau momento, os gestos técnicos não são com rigor, acho que temos de ter mais calma quando estivermos à frente da baliza, para  pudermos fazer os golos. Acho também, que a ansiedade está a fazer ter má execução. Estamos a trabalhar neste aspecto para ver se melhoramos. Acredito, que vamos passar esta fase\", declarou o auxiliar de Zoran Maki. 

LIVRE DO CASTIGO 
Bobó regressa
às opções técnicos 
O defesa -central do 1º de Agosto, Bobó, entra nas contas da equipa técnica para a recepção da formação da Académica do Lobito hoje às 17h30, no Estádio 11 de Novembro, depois de cumprir dois jogos de suspensão. 

O congolês democrático falhou as duas últimas partidas do campeonato, diante do FC Bravos do Maquis e do 1º de Maio de Benguela, em função do castigo federativo, em consequência da expulsão na partida com o Progresso do Sambizanga, referente à 16ª jornada do Girabola Zap.
O experiente defesa é peça importante no sector mais recuado do bicampeão nacional, ainda assim, não está garantida a entrada no \"onze\" inicial, em função do desempenho positivo que o seu colega de posição, o nigeriano Yisa tem apresentado. Contudo, a última palavra pertence ao técnico sérvio Zoran Maki.
Durante a ausência de Bobó, a dupla de centrais foi formada por Yisa e pelo capitão Dani Massunguna, em dois jogos sofreram um golo. Por conseguinte, não é pelo sector defensivo que os líderes do Girabola Zap estão a claudicar. Aliás, preservam o registo de melhor defesa do campeonato, com cinco golos sofridos, em 17 duelos. JN