Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

1 de Agosto X 1 de Maio reeditam velho clssico

Betumeleano Ferro - 26 de Outubro, 2019

A ditadura militar com a tradio dos proletrios de vir a Luanda tentar discutir o resultado

Fotografia: Vigas da Purificao | Edies Novembro

O desafio 1º de Agosto - 1º de Maio de Benguela perdeu a chama de décadas atrás, o jogo deixou de ser atractivo, por causa da fraqueza competitiva dos proletários que amanhã vão precisar de  milagre para evitar a derrota quase certa contra os militares. 

O campeão nacional parece ter já na mão os três pontos, pelo que só aguarda a hora marcada, 17h30, no Estádio 11 de Novembro, para sentenciar o jogo que se espera fácil para os anfitriões.

Vitória do 1º de Agosto é uma questão consensual, porque a equipa está a atravessar a melhor fase no campeonato. Com ou sem dificuldades, os militares conseguem somar e seguir, fique claro que só se acontecer uma anormalidade, para o 1º de Maio pontuar, em Luanda. 

É pouco provável que os rubro - negros entrem de salto alto e reacendam a esperança proletária. A ideia é matar cedo o jogo, para guardar energias para quando for necessário suar.

Sem chances de fazer um mano a mano em campo, os visitantes vão ser pacientes para impedir que os militares acertem no alvo e fujam no resultado. Para muitos, o único interesse é saber por quantos os anfitriões vão ganhar, tudo vai depender da atitude competitiva do moribundo Maio.

O desafio Libolo - Interclube, às 15h00, no Estádio de Calulo, é outro dos destaques de amanhã. Os libolenses estão a fazer um campeonato mais aceitável que os polícias, assim, é natural que todos estejam mais atentos ao desempenho dos donos da casa. Um triunfo extramuros não é posto de parte, se tudo depender do que tem acontecido no Girabola, a equipa de Calulo pode sorrir no final.

A deslocação do Sagrada Esperança ao campo do Ferrovia, às 15h30, para defrontar o Desportivo da Huíla,  é outro atractivo da jornada. Por via de regra, os militares da região Sul são infalíveis no seu reduto, uma realidade evidente que pode servir de motivação aos diamantíferos, cuja campanha está longe de convencerem, as coisas demoram a dar certo, motivo por que podem prolongar o mito caseiro.

A Académica do Lobito e o Cuando Cubango FC estão a superar às expectativas e é ponto assente que os estudantes estão assertivos como nunca. Cada positiva é a melhor prova competitiva do momento de graça. Amanhã, a partir das 15h30m, a equipa lobitanga pode somar mais três pontos, porém, vai  precisar de cautela para evitar que os forasteiros estraguem o dia.

O Wiliete de Benguela merece os elogios que está a receber, ainda é cedo para receber o título de equipa sensação, mas o que já fez pode-se atribuir favoritismo diante do modesto Santa Rita. O jogo está marcado para às 16h00, no Estádio de Ombaka, com o foco no primo divisionário. Todos os motivos que possam ser evocados, favorecem em demasia o Wiliete, pelo que os “católicos” vão ter de fazer mais do que limitar-se à meditação para contrariar quem costuma fazer boas coisas em casa.