Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

23 jornada prossegue esta tarde

Betumeleano Ferro - 14 de Julho, 2018

Acadmica pe prova o bom momento do Interclube

Fotografia: Vigas da Purificao

O desperdício dos rivais, Petro de Luanda e 1º de Agosto, pode resultar esta tarde em bonança para o Interclube, uma vitória sobre a competitiva Académica do Lobito, pode devolver a liderança aos polícias. O jogo começa às 15h00 no Estádio 22 de Junho, com os comandados de Paulo Torres imbuídos de um único pensamento, fazer melhor do que os oponentes que estão na corrida ao título.
A progredir em silêncio, mas com o foco na recuperação da passada de antes, os polícias chegaram à porta das oportunidades, o primeiro lugar voltou a tornar-se realidade, tudo depende do desempenho competitivo, no difícil embate ante os estudantes. Por mais que os ventos de pressão estejam a afligir a equipa azul, é ponto assente que hoje é dos dias em que o Interclube tem de dar até o que não tem, aconteça o que acontecer, é fundamental gastar-se à procura do(s) golo(s) da liderança.
Os polícias são cautelosos na hora de fazer o discurso do título, ninguém vai forçá-los a falar como campeões, de modo algum,  é exagero esperar que o Interclube consiga com ou sem dificuldades passar pela Académica do Lobito. Mais do que o factor casa, os polícias têm de conciliar a ambição e a motivação necessárias, para não repetirem a falta de apetite do Petro e  do1º de Agosto, jogar à campeão é o que o Interclube tem de fazer.
A realizar um campeonato regular, a Académica do Lobito fez as contas para perceber o que a espera no Estádio 22 de Junho, mesmo sem a bola rolar, os estudantes sabem que  têm de esfriar a cabeça aos polícias, só depois, é que redigem as lições preparadas em casa, para obterem um resultado positivo.
Os estudantes costumam ser intratáveis em casa, extramuros adoptam postura modesta, quando o adversário é da bitola do Interclube. Se a estratégia dêr bons resultados, há poucos motivos para acreditar que a Académica vai experimentar coisa nova, como as novidades às vezes atrapalham, é aconselhável que os estudantes mantenham a identidade de sempre, para prevalecer contra o Interclube.
À medida que o Girabola Zap 2018  encaminha para a recta final, os competidores são forçados a separar o trigo do jóio, realmente o tempo de separação é agora, pelo que Interclube e Académica têm de gastar  as fichas que têm, para antecipar às contas finais. É verdade, que o favoritismo é dos polícias, mas os estudantes vão impedir que o campo esteja inclinado, pois se isso acontecer, a derrota pode ser uma questão de tempo.