Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

No me sinto pressionado

09 de Abril, 2018

Tcnico do Kabuscorp acredita no regresso s vitrias nas prximas jornadas

Fotografia: Santos Pedro | Edies Novembro

O treinador do Kabuscorp do Palanca, Sérgio Traguil, admitiu desaire no jogo com o Interclube, por 0-2,  jogo de destaque que os \"erros ridículos\" cometidos pela equipa, estavam na base do para a abertura da 9ª jornada
Visivelmente desolado, o técnico argumentou que o adversário aproveitou a desatenção do sector mais recuado da sua formação, que permitiu marcar dois golos que constituíram a vitória.             
“Entramos bem, mas cometemos “erros ridículos\" que foram fatais. Tentamos contrariar ao máximo as intenções do Interclube de forma eficaz, entretanto, aproveitou as oportunidades em função das nossas falhas”, frisou.Reconheceu que “foi uma vitória conseguida da parte do Interclube. Temos de reconhecer isso. Criamos muitas jogadas. Muitas situações, mas não fomos capazes de tomar decisões e fomos horríveis”, lamentou.
Traguil destacou que vai trabalhar nos aspectos ofensivos e defensivos, para que na próxima jornada o resultado sorria à sua equipa.
Quanto à pressão pela falta de resultados, o treinador foi peremptório em afirmar que está tranquilo.
“ Não me sinto pressionado em nada. Estou a fazer o meu trabalho, com o que é necessário e com o que temos, agora, se as coisas não estão a sair bem, vamos ter de ver onde é que erramos e vamos trabalhar mais”, comentou.
Alertou para as necessidade de estarem unidos “e apanhar o comboio das vitórias nas próximas jornadas.
Eu trabalho desta forma, com derrotas ou vitórias. Por isso, é que sou treinador,”salientou.