Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

guias consideram jogo motivador

Gauncio Hamelay no Lubango - 22 de Junho, 2019

O Sport Lubango e Benfica tem uma palavra a dizer no prximo campeonato

Fotografia: Edies Novembro

Quis o destino, que o Sport Lubango e Benfica fosse “baptizado”, no seu regresso ao Girabola Zap, em sua casa, pelo Petro de Luanda. O sorteio, realizado na passada quarta-feira, na capital do país, é referente à época futebolista 2019/2020, e apesar de ser uma adversário forte, o técnico Jorge Nito assegurou, que vai procurar explorar os pontos fracos dos tricolores, para começar bem a competição.

“O Sport Lubango e Benfica tem uma palavra a dizer no próximo campeonato. Calhamos com o Petro na abertura e vai ser muito bom. Começar a prova com equipas que têm como objectivos a conquista de título, motiva o grupo que subiu agora de divisão”, disse. 

O técnico dos encarnados do Lubango, afirmou que defrontar o Petro de Luanda  pode valer não só pela motivação, mas pelo modelo de conjunto que a direcção do clube e a comissão técnica tencionam arquitectar, para a próxima época desportiva.  

“Não diria que defrontar, na primeira jornada, a equipa do Petro de Luanda, em nossa casa, é ideal para começar o Girabola. Mas também se dissesse que não é, estaria a mentir, porque estamos nessa competição e de qualquer maneira teríamos que nos encontrar com o Petro de Luanda um dia. E se disser que aconteceu agora ou foi muito cedo acontecer jogar com o Petro, também não seria homem do desporto, no verdadeiro sentido da palavra”, frisou.

Jorge Nito considera ser bom jogar na primeira jornada com o Petro, porque motiva os jogadores do Sport Lubango e Benfica, “aliás, faz com que tenhamos uma ilação do tipo de grupo que nós teremos dali para frente. Por isso, só nos ajuda e pelo facto de ser em casa, ainda mais, pois estaremos perante os nossos adeptos”, destacou.