Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

guias apostam no ajuste de contas

Jorge Neto - 10 de Julho, 2015

Os encarnados encaram esta partida com o objectivo de somar os trs pontos

Fotografia: Jornal dos Desportos

A equipa do Benfica de Luanda recebe hoje, às 18h00, no estádio 11 de Novembro, a formação do Desportivo da Huíla, em desafio referente à 16ª jornada do Campeonato Nacional da Primeira Divisão, e vai tentar redimir-se do desaire sofrido no Lubango, no arranque da prova.

Os encarnados encaram esta partida com o objectivo de somar os três pontos e aumentar a pressão ao líder do Girabola.

Depois do longo período de paragem que a prova registou, os benfiquistas não escondem a ansiedade do regresso à competição e mantêm firme o objectivo de vencerem este jogo. Para evitar qualquer surpresa, Zeca Amaral preparou a equipa ao pormenor.

Em breves declarações ontem, à imprensa, o técnico esclareceu que antevê uma recepção complicada, em função do adversário que vai defrontar, mas aponta a vitória como o principal objectivo.

"É um jogo com um adversário difícil. Naturalmente, queremos começar com uma vitória, porque vamos jogar em nossa casa e temos o objectivo de pontuar a cada jogo, para ver o que vai acontecer até à última jornada do Girabola", disse o técnico bastante confiante.

O conjunto orientado por Zeca Amaral terminou as últimas duas jornadas da primeira volta com dois empates, diante do 1º de Agosto e Kabuscorp do Palanca e ambiciona entrar de forma diferente nesta nova etapa do Girabola, em que tem objectivos bem definidos.

Diante de opositor que conseguiu vergar os encarnados da capital, logo na primeira jornada, infligindo-lhes a única derrota que apresentam até ao momento na maior competição futebolística do país, os cuidados estão a ser redobrados.

Os militares da Região Sul venceram por 2-0, num desafio que foi disputado depois de alguns meses, pois, na altura os benfiquistas estavam engajados nas eliminatórias de acesso à fase de grupos da Taça da Confederação.

A formação da águia pretende tirar partido do factor casa, apesar de contar com pouco apoio do público, em função de ter um número reduzido de adeptos, mas que esta época soube aproveitar os jogos que disputou no estádio 11 de Novembro, na condição de anfitrião.

De resto, a equipa encarnadaencara com optmismo o duelo desta noite frente a uma formação que está a efectuar uma boa recuperação na tabela de classificação do campeonato nacional.


DESPORTIVO HUÍLA
Ivo Traça anseia pontuar fora


O técnico do Clube Desportivo da Huíla, Ivo Traça, anseia um resultado positivo no jogo que a sua equipa efectua hoje, diante do Benfica de Luanda, pontuável para a jornada 16 do Girabola 2015.

O treinador reiterou que a disposição do grupo é boa e oferece garantias para contrariar o favoritismo dos encarnados comandados por Zeca Amaral, apesar de jogar na condição de visitante. Ainda assim, augura a primeira vitória fora de casa.

"Temos respeito pelo adversário, mas não tememos", referiu. Argumentou que a determinação e o espírito de luta dos seus jogadores "são as nossas principais armas para tudo fazermos para não perdermos esta partida", completou.

Sem receio, o técnico dos militares da Região Sul assumiu que a estratégia a utilizar para contrariar o favoritismo do adversário assenta em contra-ataques rápidos, na tentativa de surpreender o último reduto do adversário, equipa que ainda não perdeu em casa.

A posse e recuperação de bola são aspectos que pretende privilegiar na ânsia de poder dominar as operações a nível do meio campo. Revelou que toda a "armada" está concentrada nesta estratégia, visando pontuar diante de um opositor que terminou a primeira volta em grande.

Para a "operação Luanda", apesar de algumas contrariedades, Ivo Traça conta com o grosso do plantel.

Com a integração das três aquisições, o médio Josimar e o atacante Emanuel, vindo do Recreativo do Libolo, e de Joãozinho, proveniente do Progresso do Sambizanga, o Desportivo encara com optimismo o primeiro jogo de regresso do Girabola2015.
M. Canâmua,  no Lubango


Lesões
Gomito desfalca a defesa


A recuperar da lesão na perna esquerda, o lateral direito/central Gomito falha o jogo desta noite, diante do Desportivo da Huíla. O atleta que apenas ontem começou a trabalhar com bola, não é opção para o reencontro esta época das duas equipas. O defesa cumpriu um período de três semanas de recuperação devido a uma tendinite, contraída ao serviço dos Palancas Negras. Por conta disso, é um atleta que não entra nas contas da equipa técnica encarnada.

Gomito realizou todo o tratamento no tempo previsto e regressou aos relvados apenas na sessão de ontem, situação que o coloca fora dos convocados.
Por outro lado, o defesa central Debele está apto para jogar depois de cumprir um jogo de suspensão, em função da acumulação de três cartões amarelos.

O avançado Bena também já recuperou da lesão no joelho esquerdo e é mais uma unidade para se ter em conta nesta partida. Será o reencontro entre o experiente jogador e a sua anterior equipa.

Ontem à tarde o conjunto treinado por Zeca Amaral realizou o último treino para este duelo, em Cacuaco, numa sessão bastante motivada, tendo em conta as exibições feitas nos jogos amistosos, disputados no período de paragem do campeonato.
 JN