Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Asma promete melhorias

Jlio Gaiano, no Lobito - 07 de Julho, 2015

O tcnico dos estudantes da cidade porturia do Lobito, lamentou

Fotografia: Jornal dos desportos

O técnico principal da Académica Petróleos do Lobito, Ekrem Asma, considerou positivo o balanço dos jogos - treinos realizados, no interregno registado no Girabola 2015. O treinador revelou, que o plantel está com outra atitude e acredita, na ascensão na classificação.Sublinhou que acredita no potencial dos jogadores à sua disposição, para a fase derradeira da prova e admitiu serem os melhores possíveis, para atacar as próximas 15 jornadas que restam da prova.

Somar o maior número de vitórias em casa e procurar, no mínimo não perder fora, é o objectivo do professor dos estudantes do Lobito, que mantém vivo o sonho da manutenção na prova.“Realizámos bons jogos de controlo, com equipas à altura dos objectivos que preconizamos. Os resultados não estiveram em causa, porém, serviram para tirarmos as devidas ilações daquilo que pode vir a ser  a actuação da rapaziada nos próximos jogos”, avaliou.

Reconheceu, por outro lado, “foi notória a entrega e a vontade dos jogadores. Os reforços vieram dar outra dinâmica e qualidade ao plantel, espero que continuem com essa atitude”, frisou o responsável técnico da formação lobitanga.Contudo, o técnico advertiu os jogadores, não existirem lugares cativos no plantel, facto que exige de todos um grande empenho nos treinos, se quiserem constar no “onze” inicial e acaba assim, com uns rumores que davam conta de um hipotético proteccionismo a certos jogadores no clube.

“Não tenho dúvidas das qualidades que o plantel apresenta neste momento. Os reforços foram contratados para ajudarem a manter a equipa na primeira divisão. De outra forma, não valia à pena a direcção contratar”, especificou. “Vamos esperar para avaliarmos a atitude em campo. Atenção, de uma coisa é certa, aqui não há lugares cativos e tão-pouco existem atletas protegidos. Quem quiser jogar e aparecer na equipa principal terá de justificar nos treinos e os jogadores sabem disto ”, assegurou.

Na pausa que se registou na maior prova futebolística nacional,  dos cinco jogos - treinos programados pela equipa técnica, foram realizadas quatro partidas, com o saldo de duas vitórias, sobre o Progresso da Lunda -sul 2-1 e Polivalentes FC de Luanda 2-0 e igual número de derrotas, diante do Recreativo da Caála 1-2 e Progresso do  Sambizanga 2-3.

JOGOS AMISTOSOS
Lobitangas lamentam desperdícios


O técnico dos estudantes da cidade portuária do Lobito, lamentou o facto de não terem retirado o maior proveito das equipas que estagiaram em Benguela, na pausa que se registou no Girabola.Ekrem Asma disse, que pretendia defrontar o 1º de Agosto, Kabuscorp do Palanca, Sagrada Esperança e o Benfica, mas por razões de calendários, não conseguiram materializar os objectivos traçados.
“Foi pena, não termos realizados jogos amistosos com o leque das melhores equipas do campeonato nacional que passaram por Benguela”, lamentou .

Ressaltou, que o amistoso diante do Benfica de Luanda, agendado para meados desta semana, foi cancelado pelo facto dos estudantes estarem a preparar-se para o jogo de  quarta-feira, dia oito, frente ao Interclube para os 16 avos da Taça de Angola.A Académica do Lobito terminou a primeira volta na 12ª posição com 16 pontos, fruto de cinco vitórias, um empates e nove derrotas. Em 15 jogos realizados, os estudantes marcaram 18 golos e sofreram 19, um saldo negativo de um golo.