Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Ataque militar recupera pontaria

Jorge Neto - 12 de Janeiro, 2019

Nelson da Luz autor de dois golos do 1 de Agosto na vitria frente ao Cala

Fotografia: Edies Novembro

Os problemas de finalização na equipa do 1º de Agosto parece estarem ultrapassados. Depois de nos dois últimos jogos terem marcado três golos, colocando um ponto final a uma seca de três desafios em branco, no último jogo a safra foi maior.
Em função da situação que se viveu, inclusive o corpo técnico chegou a considerá-la de \"preocupante\", a solução encontrada foi o trabalho intenso na finalização, sem descurar os aspectos defensivos. Aliás, não é por acaso que continua sem sofrer golos.
As estatísticas provam que a equipa remata mais vezes e cria maiores oportunidades, mas falha na finalização. O triunfo de 1-0 na recepção ao Sporting de Cabinda, golo de Show, na 10ª jornada, soube à pouco pelo número de oportunidades criadas, mas ficou patente o número de remates efectuados à baliza e a vontade de chegar ao golo.
Por conseguinte, os sinais da mudança estão a vista e os golos começaram a surgir. Duas vitórias consecutivas e três golos, permitindo que os agostinos continuem na liderança do campeonato isolado, com mais três pontos que o segundo classificado, o Desportivo da Huíla.
Por outro lado, o médio ofensivo Nelson da Luz, foi a figura do jogo na deslocação ao Huambo, ao bisar na vitória frente ao Recreativo da Caála, por 0-2.
O jovem de 20 anos, volta a estar em evidência no plantel rubro e negro, após seis meses de recuperação de uma lesão contraída o ano passado.
O camisola 14 procura jogar mais minutos esta época, para recuperar a confiança da equipa técnica e ajudar a equipa militar a conquistar o tetra, objectivo traçado pela direcção  
Nelson da Luz foi formado nas escolas do 1º de Agosto e tem a seu favor o facto de ter sido lançado na equipa principal por Dragan Jovic e com a saída de Geraldo, para o Al Ahly do Egipto, terá mais oportunidades para mostrar as suas qualidades.
Nelson da Luz juntou-se a lista dos nove marcadores dos tricampeões nacionais, onde constam Mabululu (4), Ary Papel (2), seguindo Buá, Aquino, Bobó, Paizo, Mongo e Show,  todos com apenas uma finalização.