Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Azulo confirma dotes de goleador

Paulo Caculo - 04 de Agosto, 2016

Camisola 20 do Petro de Luanda chegou no principio da segunda volta e j mostra uma boa folha de servio

Fotografia: Jos Soares

O médio ofensivo Tiago Azulão, reforço do Petro de Luanda nesta segunda volta do Girabola Zap, tornou-se na mais nova atracção do clube petrolífero.
O brasileiro de 28 anos, que se transferiu esta época do 'desconhecido' Mogi Mirim para o campeonato angolano, confirma os créditos que o habilitam como um jogador habituado a exibir-se a um a nível aceitável.

Desde que chegou ao plantel dos tricolores, Azulão adaptou-se com facilidade ao estilo, táctica e modelo de futebol da equipa, tendo garantido a titularidade.
A provar o estatuto conquistado, o brasileiro em tão-pouco tempo de carreira em Angola, em apenas três jogos, marcouigual número de golos, uma média de um tento por desafio.

E como os números não mentem e ajudam a dissipar dúvidas, a chegada de Tiago Azulão à equipa às ordens de Beto Bianchi ajudou acrescentar muito de novo ao futebol petrolífero, sobretudo no que ao capítulo da eficácia ofensiva diz respeito.

E, diga-se, nesse aspecto, que o novo camisola 20 dos tricolores tem conseguido superar a concorrência que encontrou no plantel, onde os avançados Fabrício e Jiresse espelham estarem, ainda, longe dos melhores níveis.

O jogador estreou-se a marcar no embate frente ao Progresso da Lunda Sul, na 18ª jornada, com bis aos 8´e 17 minutos. O terceiro golo da sua conta pessoal aconteceu na última jornada, 19ª, frente ao Caála, aos 88', numa execução de belo efeito.

O técnico Beto Bianchi que em momento nenhum teve dúvidas do talento e potencial do jogador, vê assim minimizada as suas preocupações no sector atacante. Não foi por acaso afirmou, numa recente entrevista ao nosso jornal, estar optimista em relação ao sucesso de Tiago Azulão na equipa.

"Ele (Tiago Azulão) está com um rendimento muito bom, não só pelos golos que fez, mas também pela rápida adaptação que teve em Angola e ao futebol angolano", disse, na altura e reforçou ser uma mais valia para a sua equipa.

"É um jogador com características diferentes, que está a ajudar muito o grupo. O Tiago tem características que outros jogadores não têm. Estou satisfeito porque está a surpreender pela adaptação rápida que conseguiu, tanto a nível do país, a alimentação e a amizade com os colegas e o novo estilo de jogo. É um jogador polivalente", assegurou.

Tiago Azulão iniciou a carreira profissional em 2009, no Guarani-MG. Ainda em Minas Gerais, passou pelo Tombense, Tricordiano, Uberlânida, Boa Esporte e CAP de Uberlândia. No estado de São Paulo, representou apenas o Oeste de Itápolis, em 2011. CRB, Madureira, Vila Nova e Fortaleza também constam no currículo do futebolista brasileiro.

A carreira em Angola ao serviço do Petro de Luanda não representa a sua primeira experiência longe do Brasil, pois, já teve passagens pelo Gaziantep BB da Turquia, em 2009, e pelo Johor FC, da Malásia, em 2012.