Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Benfica de Luanda estagia no Lubango

08 de Setembro, 2015

Benfica de Luanda prepara os jogos com FC Bravos do Maquis e Cala na Hula num curto estgio que realiza na altitude

Fotografia: M. Machangongo

O Benfica de Luanda está a realizar um curto estágio no Lubango, com vista a dupla jornada fora de portas com o FC Bravos do Maquis e Recreativo da Caála, soube ontem o Jornal dos Desportos, do director para o futebol da equipa encarnada, Ruben Luciano. O plantel às ordens de Zeca Amaral chegou à Huíla no sábado, e por lá vai permanecer até defrontar os caálenses.

“Esta é a programação que nós estabelecemos, queremos cumprir na íntegra com o objectivo que nos trouxe até ao Lubango”, garantiu. A equipa encarnada vai trabalhar no Lubango até sexta-feira, dia em que pretende fazer a ponte aérea para a capital do Moxico.  “Em princípio, vamos ficar aqui durante quase toda semana. Na sexta, como programado, vamos ao Luena e depois voltamos ao Lubango”, revelou.

O director para o futebol do Benfica afirmou, que o clube analisou uma série de factores e concluiu que era melhor também preparar todo o jogo com a Caála, marcado para 20 do corrente, nas terras do Cristo Rei. “Pensamos acima de tudo, naquilo que seria melhor para nós, como temos esta dupla jornada fora, achamos que ficava mais em conta fazer as coisas desta maneira”, sublinhou.

A proximidade entre a Huíla e o Huambo vai fazer que o Benfica utilize a estrada para chegar ao reduto da Caála. “As duas províncias ficam bem próximas uma da outra, é por isso, que julgamos não existir nenhum tipo de inconveniente em fazermos uma viagem por estrada, por ser um sítio perto, é que dispensamos ir de avião”, argumentou. O Benfica de Luanda está a seguir uma programação normal, mas Ruben Luciano admitiu a hipótese de realização de jogos de controlo com equipas locais.

“Ainda não está previsto nada, estamos a cumprir o que programamos, vamos continuar a trabalhar como temos feito até agora, se surgir a necessidade de testar a equipa vamos saber como agir”, afirmou. O internacional Miguel é o único jogador ausente do estágio do Benfica. O esquerdino está ao serviço da Selecção Nacional e deve chegar esta tarde a Luanda com toda a caravana angolana que se deslocou a Madagáscar para o jogo de apuramento ao CAN 2017.

A direcção do Benfica já fez a sua parte para que Miguel consiga chegar ao Lubango o mais rápido possível.  “O nosso desejo era que se ele (Miguel) se juntasse a nós tão logo regressasse com a selecção, temos tudo tratado para que ele não leve muito tempo a chegar ao Lubango”, concluiu.

GILBERTO
“Não podemos esmorecer”

O médio Gilberto integra o plantel do Benfica do Lubango, que cumprem desde sábado no Lubango um micro ciclo de preparação, tendo em conta as duas jornadas do Girabola 2015.  Gilberto informou, que o conjunto da águia procura  imprimir o seu ritmo para vencer o jogo do próximo sábado, no estádio Mundunduleno, no Luena, diante do FC Bravos do Maquis, referente à 25ª joranda do campeonato.

“Não podemos esmorecer. Temos de continuar a trabalhar, para fazer melhor no jogo seguinte (diante do Maquis)”, disse, indicou que os últimos jogos da segunda volta do Girabola têm uma dinâmica muito positiva. “Agora, quem escorregar, de certeza que vai comprometer as suas aspirações,  na prova. É bem verdade que o Benfica também está atento com este dado e vai aproveitar um deslize do principal opositor, que é o Recreativo do Libolo, no sentido de erguer o troféu”, disse.

O internacional angolano que não joga desde à 19ª jornada do campeonato, em função do incidente que teve no jogo da 18ª ronda, diante do Progresso Sambizanga, trabalha sem limitações. Gilberto assegurou que o futebol é a sua paixão, por isso vai continuar a dar alegrias aos angolanos. 
“O futebol é o que me move, é o que mais gosto e me dá prazer. Quando assim é, acho que tenho de continuar a dar alegrias ao povo angolano”, disse.
ARÃO MARTINS | LUBANGO