Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Benfica visita o Libolo

04 de Abril, 2016

guias vo ao encontro dos campees em ttulo para quebrar favoritismo

Fotografia: Nuno Flash

O Recreativo do Libolo e o Benfica de Luanda protagonizam hoje às 15h30, na Vila de Calulo, o jogo mais aguardado para o fecho da sexta jornada do Girabola Zap.Separados na tabela de classificação por dois pontos, as águias (5º/9 pontos) e libolenses (6º/7) exibem equipa e futebol para proporcionar aos adeptos um agradável espectáculo de futebol. Ainda que a história dos confrontos entre as duas equipas traduza um relativo domínio do conjunto de Calulo, o actual momento que atravessam as águias permite prognosticar um desafio com desfecho imprevisível.

Mais do que um grande jogo em perspectiva, o duelo entre Libolo e Benfica pode ser também uma propaganda ao futebol, sobretudo a julgar pela qualidade que apresentam  os plantéis cujos treinadores já provaram enorme competência à frente do comando técnico das respectivas equipas.O conjunto às ordens de João Paulo Costa recupera da "queda" nas eliminatórias da Liga dos Campeões, em que caiu aos pés do Al Ahly do Egipto, ao passo que a formação de Zeca Amaral vem de duas vitórias consecutivas frente ao Progresso da Lunda Sul e ao Recreativo da Caála.

Para o fecho da jornada, o Kabuscorp do Palanca visita hoje o 1º de Maio, em Benguela. O Estádio de São Filipe pode ser pequeno para acolher um desafio em que a turma dos visitantes deve ter a maior falange de adeptos. E, aliás, esta variável pode revelar-se fundamental na criação do ambiente que Miller Gomes deseja para traduzir em realidade o favoritismo que lhe é atribuído na partida.

Mas como favoritismos não ganham jogos, os proletários estão também dispostos a não deixar que lhes "roubem" os pontos em casa e diante dos seus adeptos, razão pela qual se aguarda por uma equipa caseira que assuma uma postura digna de realce, mas sobretudo que venda cara a derrota, se for o caso.Do percurso de ambos, destaca-se o facto do 1º de Maio vir de uma derrota em Luanda, no jogo frente ao Progresso do Sambizanga na jornada passada, ao passo que o Kabuscorp do Palanca derrotou o Desportivo da Huila na ronda anterior.

TOPO
Campeão está a três vitórias do líder


O Recreativo do Libolo com a estrelinha de campeão ao peito olha para as equipas da frente para estar no encalço do 1º de Agosto,  que está  embalado no topo e de  pedra e cal.  O campeão em título sabe que precisa de três vitória, para fazer a soma “7 + 9” pontos para igualar os militares que nesta época dizem estar proibidos de falhar o título.

O treinador do Libolo João Paulo da Costa considera que não está satisfeito com o desempenho da sua equipa e atletas. Pede-lhes para que recuperem terreno, sobretudo nos dois jogos que têm em atraso e no de hoje com o Benfica de Luanda.O técnico tem no seu plantel um jogador de "pé quente" -  Brito que vai com três golos na lista dos melhores marcadores, em terceiro - esqueceu-se completamente das ambições que alimentava na Liga dos Campeões Africanos em que foram afastados pelo Alhly do Egipto e está agora concentrado no  Girabola Zap 2016 e de certo modo, na Taça de Angola.

E, porque joga em casa, onde no ano passado somou a maioria dos pontos que lhe valeram as faixas e galardão de campeão, é crível que a equipa da vila de Calulo pressione o acelerador ao fundo, para "desfeitear" as Águias que até agora, andam titubeantes no campeonato.Têm de ter atenção com a equipa treinada por João Paulo Costa que em 2015 terminou o Girabola com 60 pontos, tal como o 1º de Agosto. Agora que não pensa mais  na Liga de onde " caiu", mostra desde Fevereiro com conquista da sua segunda Supertaça - em que venceu justamente ao Benfica de Luanda, por 4-2 - a meta é o título.                                                      
A.FÉLIX