Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Benguelenses com tarefa difcil

J?lio Gaiano, em Benguela - 25 de Agosto, 2017

O 1 de Maio de Benguela e a Acadmica Petrleos do Lobito tm confronto difcil e complexos nesta jornada,

Fotografia: Jornal dos Desportos

O 1º de Maio de Benguela e a Académica Petróleos do Lobito têm confronto difícil e complexos nesta jornada,  julgar pelos níveis competitivos que ostentam os adversários a enfrentar para a 22ª jornada do GirabolaZap 2017, pese embora, manterem firmes os desideratos preconizados, que passam pela conquista dos três pontos que os possibilita vivenciar a luta pela manutenção a fina-flor do futebol nacional.

Os proletários deslocam-se ao encontro do Desportivo da Huíla, um adversário que vem de resultado desanimador. A semelhança da equipa benguelense, a formação huilana perdeu na jornada passada pelo mesmo “score” (1-2). O resultado criou um mau estar  a sua massa associativa que deixou o estádio do Ferroviário aos prantos.

 Em Benguela, não foi diferente, o público responsabilizou os jogadores pela forma como se apresentaram (apáticos) diante do Interclube. Por isso, espera-se que no domingo, os militares da Frente Sul se transfigurem e revertam a situação em seu favor.

Daí a complexidade para os intentos dos visitantes que, apesar de tudo, prometem no mínimo pontuar e desta continuar activada à luta pela permanência no GirabolaZap.

Por sua vez, a Académica do Lobito mede forças com o FC Bravos do Maquis no domingo, a partir das 15h30’, no estádio do Buraco. Ao contrário da formação lobitanga (venceu ao Desportivo da Huíla, por 2-1), o adversário vem de uma derrota caseira frente ao 1º de Agosto (0-1), pelo que vem ao Lobito disposto a dificultar ao máximo os intentos da formação visitada que tudo faz para sair da zona da despromoção.

Assim sendo, aos estudantes caberá manter os níveis de confiança e provarem diante dos maquisardes, que continuam firmes e determinantes ao triunfo. Já que somente os três pontos interessam para os desideratos dos pupilos do professor José Silvestre “Pelé” que, para além de reconhecer o potencial contrário garante ter a equipa preparada para o embate do domingo.