Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Campeo arrisca no buraco

J?lio Gaiano,Lobito - 09 de Julho, 2017

Estudantes e militares medem foras esta tarde no prosseguimento da 19 jornada do campeonato nacional

Fotografia: kindala Manuel | Edies Novembro

O  encontro entre as formações da Académica Petróleos Clube do Lobito e do Clube Desportivo 1º de Agosto que se disputa hoje às 15h30, pontuável para a 19ª jornada do Girabola Zap 2017, galvanizou os adeptos e associados dos estudantes que prometem encher o Estádio do Buraco, a julgar pelo nível de organização e expectativas crescentes à volta da contenda.

A cidade ferroportuária vai parar para ver o trumunu  que se afigura renhido. O ambiente vivido nos últimos dias é de festa. Os lobitangas estão mobilizados a assistir ao espectáculo e empurrar a equipa da casa à vitória, uma tarefa que reconhecem ser difícil, dado o nível competitivo do adversário.

O 1º de Agosto para além de forte e melhor estruturada táctica e tecnicamente, não pretende deixar os créditos nas mãos de uma formação que apesar de confiante e motivada para a contenda, vem de dois resultados desmoralizadores, ou seja, empatou em casa (1-1) com JGM, e perdeu fora (2-1) com o Recreativo da Caála.

De acordo com as informações colhidas da organização, tudo caminha a contento. A direcção da Académica do Lobito tem condições objectivas e subjectivas criadas para o jogo. Os jogadores e membros da equipa têm a dura missão de fazer jus à condição de anfitriões, apesar das dificuldades que o jogo aparenta.

“O jogo é em casa e diante dos nossos adeptos, temos a obrigação e o dever de vencer (…)”, comentou Duarte Adriano Kuatula “Esquerdinho”, director -geral do grémio lobitanga, para quem o adversário pode ser vencido no Buraco, a julgar pela determinação e crença reinantes no seio dos jogadores, que prometem surpreender o público com um triunfo, e redimir-se dos desaires sofridos nas duas últimas jornadas.

No embate realizado na primeira volta, apesar dos estudantes lobitangas  perderem por (2-0), não se acobardaram, pelo contrário, querem bater o pé ao campeão em título. Nos detalhes sofreram dois golos, que ditaram a derrota. Por isso, desta vez, as coisas podem ser diferentes, visto que os jogadores estão avisados desse pormenor.

À  entrada da 19ª jornada, a Académica do Lobito soma 14 pontos, resultantes de três vitórias, cinco empates e 10 derrotas. No capítulo da finalização, a formação lobitanga marcou 17 golos e sofreu 32 tentos, o que preocupa  a direcção do clube e membros da equipa técnica que acreditam que no desafio desta tarde diante do 1º de Agosto, que o quadro se inverta e que a equipa volte na senda de bons resultados.