Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Campeo espera ultrapassar o Sporting

Jorge Neto - 05 de Janeiro, 2019

Rubro-negros encaram jogo com os lees com a mxima cautela para no serem devorados

Fotografia: Kindala Manuel | Edies Novembro

O técnico -adjunto do 1º de Agosto, Ivo Traça, considerou o Sporting de Cabinda um adversário que pode complicar a vida aos militares, mas garantiu que a jogarem em casa, têm a missão de vencer.
O auxiliar de Dragan Jovic defendeu que os agostinos devem vestir o fato-macaco, amanhã às 17h00 no Estádio 11 de Novembro, para pôr um final à onda dos empates, que assola a equipa nas últimas três jornadas.
\"Vai ser um bom jogo. Vamos jogar com uma boa equipa, nós, 1º de Agosto, temos os nossos objectivos. Em primeiro lugar, temos de defender o título e procurar revalidar, para tal, temos de ganhar o campeonato, e isso, faz -se com vitórias, jogo após jogo\", realçou.
Destacou, que \"é preciso trabalhar bem e ter atitude suficiente para vencer o jogo. Não vai ser fácil, mas é nossa obrigação em nossa casa vencer o Sporting\", disse o antigo médio rubro - negro, ontem durante uma conferência de imprensa, no RI20.
Os dois últimos desafios, entre estas equipas, terminaram com empates, uma situação que Ivo Traça garantiu não ver repetir nesta época e aponta a partida de amanhã como a primeira para inverter o quadro.
\"Há um ano, que não ganhámos o Sporting de Cabinda. Os últimos dois jogos terminaram empatados, não queremos que se repita este histórico, principalmente nesta fase, em que viemos de três empates\", lembrou.
Os leões atravessam um bom momento no Girabola Zap, daí, que os tricampeões reconhecem as dificuldades que o adversário pode criar neste desafio. \"Temos consciência que o adversário está a jogar bem. Vem de quatro vitórias e um empate\", destacou.
\"O último, foi em sua casa, com o Bravos do Maquis. É verdade que nos vão criar dificuldades. Vai jogar fechada e apostar no contra-ataque, mas é uma equipa que sabe trocar a bola\", afirmou Ivo Traça.
Apesar de não revelar  nomes, a equipa técnica agostina confirmou que vão fazer mudanças no onze inicial, derivado de várias situações.


IVO TRAÇA
“Precisamos
do apoio dos nossos adeptos”

A equipa técnica militar pede a comparência dos adeptos em massa, no Estádio 11 de Novembro, para empurrar os tricampeões nacionais à vitória, no jogo de amanhã com os leões
"Precisamos, que os adeptos continuem a apoiar como sempre o fizeram. O campeonato passado tiveram muita paciência, quando passamos por uma crise de empates, oito seguidos. Os adeptos estiveram no campo e mostraram que são incansáveis, até nas províncias, nos acompanham", apelou Ivo Traça.
O ataque do 1º de Agosto atravessa a seca de golos, há três jogos e quando não se marca, é evidente que não se ganha. Contudo, para o embate de amanhã, estão apostados em visar a baliza contrária.
"Treinámos muito, no sector defensivo e ofensivo, principalmente, o segundo, porque sabemos que a equipa do Sporting vai jogar fechada. Temos de ter paciência, trocar bem a bola, jogar nas entrelinhas e quando haver perda de bola, temos de ter uma entreajuda muito forte para impedir as transições rápidas do Sporting",  disse Ivo Traça.
Falham o jogo dessa jornada, o médio nigeriano Ibukun e o internacional angolano Natael, a recuperam das lesões que os afastam dos relvados, durante um longo período.