Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Campeo busca histrico na Cala

Jorge Neto - 07 de Abril, 2018

Cassificao do 1 de Agosto preocupa a equipa tcnica que ambiciona subir

Fotografia: KINDALA MANUEL|EDIES NOVEMBRO



As últimas duas deslocações, da equipa do 1º de Agosto ao Estádio Mártires da Canhala, foram negativas, daí que no domingo às 15h00 ambiciona inverter o quadro, vencer  o Recreativo da Caála para recuperar os pontos perdidos nas jornadas anteriores.
Os militares ganharam a última vez naquele recinto,  em 2015, com o golo solitário de Mateus Galiano,  daí para frente  somam resultados abaixo das expectativas, dadas as ambições dos bi-campeões no Girabola Zap. Em 2016, perderam por 2-0, no ano passado empataram 1-1.
O histórico, coloca a formação orientada pelo sérvio Zoran Maki de sobreaviso, visto que é um Estádio onde a equipa da casa está habituada a fazer \"vida cara\" ao eterno candidato ao título,  por isso, as dificuldades de que falam os agostinos nesta deslocação.
A actual classificação dos campeões nacionais preocupa a equipa técnica, que ambiciona subir na tabela, para se juntar  aos rivais directos na luta pelo título do Girabola Zap. Nesta senda, o jogo de amanhã é de capital importância para atingir o objectivo.
Os avançados chamados a melhorar a pontaria, são um bico d´obra devido às constantes perdas de oportunidades criadas. Os militares reconhecem que devem assumir o favoritismo do desafio, porém, reconhecem ser  difícil conseguir um resultado positivo nesse Estádio.
Contudo, durante a semana, a equipa técnica trabalhou igualmente o aspecto psicológico dos jogadores, além da componente técnica e táctica, para melhorar a exibição e marcar golos que é um dos objectivos do colectivo liderado por Zoran Maki.
O grupo está motivado e espera regressar às boas exibições,  para somar mais três pontos no campeonato, e apagar a imagem deixada no último desafio com o Recreativo do Libolo, em que ficou em branco.
O avançado Fofó pode ser a aposta no ataque caso seja chamado, depois de falhar os dois últimos jogos por lesão. O jogador é o melhor marcador da equipa,  actualmente, e constitui a opção quando o assunto está ligado a golos.