Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Campeo faz a estreia no Girabola

Jorge Neto - 26 de Fevereiro, 2018

Militares defrontam sambilas sem os atletas castigados pela FAF

Fotografia: M.Machangongo | Edies Novembro

A equipa do 1º de Agosto projecta o jogo de estreia na presente edição do Girabola Zap, depois da qualificação para a segunda e última eliminatória de acesso à fase de grupos da Liga dos Clubes Campeões Africanos, que acontece na quarta-feira às 16h00, no Estádio 11 de Novembro, desafio agendado com o Progresso do Sambizanga, a contar para a primeira jornada do campeonato.
O campeão nacional regressou ao país na quinta-feira, um dia depois de vencer por 2-1 a formação do Platinum do Zimbabwe, na cidade de Zvishavane, e garantir a passagem à próxima eliminatória, em que vai defrontar o Bidvest Wits, campeão sul-africano, desafio marcado entre os dias 6 e 7 de Março.
Com base nisso, o jogo da segunda jornada agendado com o FC Bravos do Maquis, para acerto de calendário, vai ser remarcado. Os militares não jogaram a ronda inaugural com os sambilas, dada a antecipação da viagem para o Zimbabwe, para competirem nas Afrotaças.
O primeiro treino, em solo angolano, depois de regressarem do Zimbabwe, realizou-se na sexta-feira e no sábado, no Estádio França Ndalu, com vista à recepção aos sambilas, dérbi  que está a ser aguardado com muita expectativa por parte dos adeptos agostinos.
Após a folga registada ontem, os militares retomam hoje de manhã o trabalho a partir das 8h00, a que se deve seguir uma conferência de imprensa de antevisão ao jogo. Os jogadores demonstram muita motivação durante os treinos e disputam uma vaga no \"onze\" que vai defrontar os sambilas na quarta-feira para a  estreia do Girabola Zap, dadas as possibilidades abertas, devido ao castigo aplicado a cinco atletas.
A formação não conta nos primeiros jogos do Girabola Zap com os préstimos do defesa central Dani Massunguna, dos laterais esquerdos Paizo e Natael e dos extremos Nelson da Luz e Geraldo. Os cincos jogadores cumprem o castigo de suspensão que foi imposto pela Federação Angolana de Futebol (FAF). Por outro lado, o médio -trinco Show foi despenalizado e entra nas opções do sérvio Zoran Maki.


QUADRO CLÍNICO
Equipa técnica
sem “casos”


Os jogos referentes às preliminares das Afrotaças não trouxeram aos jogadores do 1º de Agosto quaisquer “mossas”, em termos de lesões. O conjunto militar saiu ileso neste aspecto, daí , que apresenta um quadro clínico positivo com relação à estreia no Girabola Zap, na quarta-feira às 16h00, no Estádio 11 de Novembro, jogo agendado com o Progresso de Sambizanga.
Todos os jogadores do plantel estão disponíveis para o desafio, em termos físicos, salvo, Dani Massunguna, Paizo, Natael, Nelson da Luz e Geraldo, que cumprem o castigo federativo.
Deste modo, o técnico Zoran Maki projecta apresentar uma equipa diferente da que defrontou a formação do Platinum do Zimbabwe, na primeira preliminar de acesso à fase de grupos da Liga dos Clubes Campeões Africanos.
Ao contrário da época anterior, em que o bicampeão nacional se confrontou com a lesão  do guarda-redes Dominique durante a pré-época, este ano as coisas mudaram de figura, contudo, enfrenta a contrariedade de não alinhar os cinco jogadores citados, por castigo federativo.
A suspensão dos referidos jogadores assenta como uma luva aos que se sentam no banco de suplentes, por outro lado,  reconfirmam a presença no \"onze\" inicial.
Os jogadores Mingo Bile, Yisa, Guelor, Vado, Gogoró, Medá, Catraio, Gui, Vanilson e Cirilo, vão ocupar as vagas disponíveis na equipa inicial, toda a concentração e determinação durante à preparação pode ser recompensada.