Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Campeo sem desculpas na recepo aos estudantes

Betumeleano Ferro - 26 de Junho, 2018

Militares tentam hoje no 11 de Novembro a primeira vitria na segunda volta do campeonato

Fotografia: Santos Pedro | Edies Novembro

 

 segunda volta começa a demorar para o 1º de Agosto, o campeão parece meditar na maneira como terminou o turno inicial, com empate, pois, já regista três igualdades seguidas, nesta fase decisiva do campeonato. Marcar passo é tudo, menos atitude ideal para quem deve manter o foco na revalidação, pelo que o jogo de hoje com a Académica do Lobito às 17h30, no 11 de Novembro, tem de ser de redenção.

 

Ainda é cedo, para dizer que o campeão anda nu, mas é inegável que está em crise, os consecutivos maus resultados atrasaram e de que maneira, o 1º de Agosto. Sem confiança em mostrar os galões, os militares estão com sérias dificuldades de camuflar a fase negra no campeonato, o querer está presente, mas fica sempre nas intenções, na hora do poder, motivo por que o desperdício vai forçar Zoran Maki e pupilos a reagir de maneira competente, se isso não acontecer, a paciência do adepto esgota-se.
O 1º de Agosto sabe, como sair do redemoinho em que se encontra, mas demora a tomar a atitude certa para recuperar o fôlego, e o mesmo ânimo de antes. Enfrentar um adversário como a Académica do Lobito, até vem no momento certo, a grande temporada dos estudantes pode dar alguma lição valiosa aos militares, se forem humildes podem aprender muito para obterem a primeira vitória na segunda volta.
A dificuldade maior do campeão é balançar as redes, é tanta a vontade de marcar que se transformou em ansiedade, o 1º de Agosto sabe que não precisa de muitos para ganhar, mas como o momento é de pressão, até nem o mais fácil, que é marcar mais um golo só, não está a acontecer.
O bom momento de forma dos estudantes, é garantia segura para discutir o resultado com o 1º de Agosto, é verdade que a crise do campeão não vai durar o campeonato todo, um dia vai acabar, ninguém sabe quando, mas nem por isso a Académica deve entrar em campo com receios de ser a panaceia, há muito aguardada pelos militares.
Uma vitória dos estudantes pode ser a cereja no topo do bolo, são tantas as coisas boas que estão a fazer no Girabola Zap 2018, apenas um resultado dilatado vai ser considerado surpresa. A Académica do Lobito está a fazer uma das melhores épocas de sempre, assim, tem de aproveitar a onda favorável para obter hoje o que talvez não vai voltar  a ver tão cedo, um cenário aceitável para derrotar o 1º de Agosto, no 11 de Novembro.
A Académica é capaz de adoptar uma atitude de espera, vai resguardar-se antes de pôr em prática as lições preparadas para prolongar o jejum de vitórias do 1º de Agosto no campeonato. Um empate com o campeão é sempre um bom resultado, mas antes de pensar no empate, os estudantes têm de ganhar, permitir que o campo fique inclinado, é a pior estratégia a adoptar. É aceitável que a Académica tenha um plantel mais limitado em qualidade, mas ficar à espera que do céu caia um ponto, pode terminar em desgraça, pode significar uma derrota certa.
O 1º de Agosto chega ao jogo com a Académica do Lobito fragilizado, como nunca antes, quatro empates seguidos, três na segunda volta, o desperdício de pontos é enorme e aumenta a revolta no seio da equipa, a grande questão do momento é saber quando o plantel vai exigir o pagamento dessa factura.