Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Cheira a tetra!...

Jorge Neto - 11 de Maio, 2019

Os lderes do Girabola Zap podem sagrar-se campees nacionais antecipadamente

Fotografia: Edies Novembro

Num espaço de cinco dias, o 1º de Agosto volta a defrontar amanhã, às 15h00, a formação do Cuando Cubango FC,  desafio referente à 29ª jornada do Girabola Zap, em que está obrigado a vencer para encurtar a caminhada para o tão desejado e inédito quarto título consecutivo, do campeonato nacional.

Os militares venceram na quarta-feira, por 1-0, no Estádio dos Eucaliptos, na província do Bié, partida pontuável para os oitavos -de -final da Taça de Angola, aliás, o resultado assentava como uma luva, amanhã para os objectivos dos pupilos orientados pelo sérvio Dragan Jovic.

Os líderes do Girabola Zap podem sagrar-se campeões nacionais antecipadamente, em caso de triunfo sobre a formação das Terras do Progresso, uma derrota ou empate diante da Académica do Lobito no Estádio 11 de Novembro.

O jogo de amanhã tem um cariz completamente diferente, ao da Taça de Angola, pois, não há margem de erro, as responsabilidades são a dobrar, uma vez que está em causa o estreitar do caminho para o título.

Dragan Jovic vai alinhar a melhor equipa para vencer, pois, não pretende poupar nenhum dos melhores jogadores. O Cuando Cubango provou na quarta-feira, que é um adversário difícil em casa e certamente não vai dar de bandeja os três pontos à equipa do rio seco.

Embora, tocado no último desafio, o lateral esquerdo Natael está nas contas do técnico sérvio, após ceder o lugar a Paizo. O extremo Zito Luvumbo, estrela da selecção sub-17, estreou-se na equipa principal na quarta-feira, foi uma peça fundamental para a vitória. Sofreu uma grande penalidade, cobrada pelo avançado Mabululu. Espera-se que o jogador repita amanhã a exibição.

Militares em exercícios
desde segunda no Cuito

O plantel do 1º de Agosto,  tricampeã, realiza hoje, às 08h 30  ,no Estádio dos  Eucaliptos, no Cuito (Bié),  o derradeiro ensaio para o jogo de amanhã com o Cuando  Cubango FC.
O presidente da formação militar, Carlos Hendrick e outros dirigentes, também já se encontram no Cuito para dar apoio moral à equipa, que montou o "quartel general" no Cuito, desde segunda-feira, para se ambientar ao clima, sobretudo à altitude, na região do centro do país, pois, está  proibida de perder, para continuar a depender de si na corrida ao título.
Na sessão de treinos, depois dos habituais exercícios de aquecimento e corridas ligeiras à volta do campo, o técnico Dragan Jovic centraliza os trabalhos da equipa nos processos de jogo, a serem utilizados frente aos comandados de Albano Cesar.
A terminar a preparação, o treinador de turma militar do Rio Seco  ensaia alguns pormenores ofensivos, uma vez que a equipa não finaliza as inúmeras ocasiões de golos criadas. O técnico bósnio vai igualmente  incidir os trabalhos da equipa em correcções tácticas, sobretudo, a marcação com ou sem posse de bola.
  Ivo Raimundo Traça, técnico-adjunto do 1º de Agosto, prometeu uma equipa combativa para garantir os três pontos, no reduto adversário. Trabalhámos sempre com o pensamento na vitória. "Quem pensa ser campeão, tem de procurar ganhar os jogos, com base na humildade e respeito pelos adversários", garantiu.JOSÉ CHAVES - Cuíto