Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Chiby pondera abandonar

Valódia Kambata - 08 de Novembro, 2016

Técnico da Académica exige da direcção mudança de mentalidade para continuidade no Buraco

Fotografia: Paulo Mulaza

O técnico da Académica do Lobito, António Lopes "Chiby", confidenciou ao Jornal dos Desportos, que está a ponderar deixar o comando dos estudantes, por falta de atenção da direcção do clube.

O  treinador manifestou a intenção um dia antes de garantir a manutenção dos lobitangas na maior prova futebolística nacional, concretiza assim os objectivos traçados  aquando da contratação.

O técnico sempre manifestou a confiança no potencial e na capacidade dos seus atletas, acreditou incessantemente na manutenção da equipa, apesar da fraca participação dos dirigentes nos momentos cruciais .

" Assumi o comando da equipa, logo após a oitava jornada e foi muito difícil manter uma certa regularidade, mas aguentamo-nos com jovens de 17, 18 anos e sem grandes reforços. Fazer um campeonato nestas condições é completamente difícil. Penso que o mais importante foi conseguir a permanência,"destacou.

O substituto do português Vaz Pinto, demitido após a derrota por 1-0, diante do Recreativo da Caála, revelou que encontrou uma equipa fragilizada do ponto de vista de coesão, pelo que foi necessário tempo para juntar o grupo e salvar a época futebolística.

"Tivemos de fazer um grande trabalho para trazer a alegria ao povo de Benguela, que corria o risco de não ter nenhuma equipa no próximo Girabola. Espero que a direcção da Académica do Lobito tenha tempo para preparar um plantel para fazer um campeonato tranquilo e evitar  ter de lutar sempre para não descer de divisão" sublinhou.


BALANÇO
“Enfrentamos muitas dificuldades”


Chiby assumiu sem rodeios, que a sua continuidade no Estádio do Buraco depende dos objectivos da direcção e das condições de trabalho que forem postas à disposição, para realizar uma campanha tranquila.

" É necessário sentar com a direcção do clube, para saber dos seus objectivos para a equipa no próximo campeonato, porque esta época  foi complicada, com viagens em cima da hora e muitas das vezes sem comodidade," lamentou.

A par das outras condições, para permanecer no comando, o treinador aponta a contratação de reforços para formar um plantel forte e realizar um bom campeonato, sem grandes pressões.

" Em função do que vivemos nesta temporada, onde mais uma vez tivemos que lutar pela permanência até a última jornada, a direcção tem de trazer reforços para fazer a diferença" alertou.

O encontro com a direcção do clube deve acontecer ao longo desta semana, e caso cheguem a consenso, sobre a continuidade a frente da equipa, pretende preparar a época mais cedo.

No seu consulado, a Académica do Lobito conquistou 30 pontos, fruto de oito vitórias, seis empates e 13 derrotas, resultados que permitiram os lobitangas manterem-se no convívio dos grandes do futebol nacional.

V.K