Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Chico e Chil fora do 22 de Junho

30 de Maio, 2017

Atletas no corresponderam expectativa

Fotografia: M.Machangongo| Edies Novembro

No primeiro ano, ao serviço dos polícias, o atacante marcou  dois golos em 14 jogos, números que não agradam os treinadores, a julgar pela expectativa criada no plantel na altura às ordens de Ilian Iliev.  

Apesar de todas as possibilidades concedidas, após a lesão de Moco, Chico não se impôs no plantel, marcou um golo em10 partidas disputados.
A par de Chico foram também dispensados do plantel dos policias,  o ponta de lança Chilo, que ingressou nesta temporada, oriundo  do Académica do Lobito, e o médio Bruno ofensivo que na época passada  também representou os estudantes do Lobito. 

Quem também não convenceu a equipa técnica, é o médio Dalie Chabó, vindo do Etoile do Congo, e o médio ofensivo Bruno, contratado a Académica do Lobito. Em relação aos dois  jovens, António e Gugu promovidos esta temporada ao escalão de seniores, devem ser emprestados a outros clubes no intuito de  ganhar rodagem competitiva .

Com alguma tristeza, o presidente do Interclube lamentou a dispensa destes jogadores, quando a direcção apostou seriamente na contratação dos mesmos, para reforçarem o plantel. \" É com muita mágoa que tivemos de tomar esta decisão, mas quando um atleta não rende, devemos deixar sair\", realçou.


INTERCLUBE
Direcção aposta no reforço do plantel


A equipa técnica do Interclube prepara ao detalhe a segunda volta do Girabola ZAP. Depois de um arranque de época àquem do perspectivado pela direcção, Paulo Torres e seus colaboradores estão apostados em colocar os polícias na posição que melhor se enquadra com o seu estatuto.

Para materializar os objectivos traçados pela direcção do clube, o Jornal dos Desportos sabe que estão a trabalhar no Estádio 22 de Junho para reforçarem o plantel, o médio Duarte e o lateral esquerdo Miguel.
  
Alves Simões não assumiu a integração dos dois atletas na reabertura das transferências, contudo, revelou estarem a trabalhar no Rocha no Pinto e aguardam  o aval do treinador. 

\" Não vou falar que são dos reforços, estão a treinar e depois vamos ver se são, ou não reforços. Estar a treinar é uma coisa e ser do clube é outra\", esclareceu o presidente do Interclube.

\" Nesta altura, existe um defesa esquerdo, que é o To Carneiro e penso que a entrada do Miguel vai dar mais concorrência na posição. Quanto a Miguel, é um excelente jogador, com grande experiência e que deu prova nos diversos clubes de peso, do nosso campeonato\", salientou.

  Outro atleta que também está a trabalhar na equipa principal do Interclube, é o defesa directo Dani, atleta formado na equipa do eixo -viário,  com passagem pelo futebol no Chipre.

A falta de golos preocupada a equipa técnica, e em função disso, a direcção está a envidar esforços para potenciar o sector na segunda volta. O vice-presidente para o futebol, Alexandre Canelas garantiu que por enquanto, a prioridade era a recuperação do Moco.

 \" A primeira coisa foi recuperar o Moco , agora, vamos trabalhar com calma para suprir a falha com reforços que justifiquem a  contratação\", realçou.

O JD apurou estarem a trabalhar no 22 de Junho, dois avançados oriundos do Congo Democrático,  nos próximos dias a equipa técnica vai pronunciar-se sobre o valor dos referidos atletas.

\" Neste momento, estamos a acertar os pormenores e penso que  muito em breve  anunciamos os reforços contratados para ajudar o clube a atingir os seus objectivos. Estamos a fazer uma avaliação do mercado\", anunciou.

\"Podem vir do estrangeiro, como do mercado interno. Em Angola temos acompanhado alguns atletas que jogam no Girabola, e portanto, está tudo em aberto, mas posso dizer que podem também vir  jogadores do estrangeiro\", comentou.
Valódia Kambata