Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Corola revela optimismo

Paulo Caculo - 08 de Outubro, 2016

José de Carvalho (Corola) reconhece potencial do Progresso Sambizanga

Fotografia: M.Machangongo

O treinador do Atlético Sport Aviação (ASA), José de Carvalho "Corola", aponta a vitória como único objectivo no dérbi desta tarde, às 15h30, com o Progresso do Sambizanga, no Estádio dos Coqueiros.

Afirmou que os dois conjuntos perseguem o mesmo objectivo, mas os aviadores não vão ceder mais. "O jogo  apresenta-se difícil, diante de um adversário que,apesar de ser do nosso nível, cria - nos seríssimas dificuldades. Mas é preciso saber que trabalhamos para pontuar semana após semana", declarou.

"Para o dérbi não fugimos à regra e preparámo-nos convenientemente ao longo da semana, de maneira a encarar esse desafio com optimismo. Tudo faremos, no sentido de amealhar  os três pontos e deixar a posição em que nos encontramos na tabela de classificação", salientou Corola.

 O treinador não teve meias -medidas ao afirmar ao Jornal dos Desportos, no lançamento  deste dérbi, que a vitória é primordial e encara os jogos com certa rigorosidade, em função da renhida ponta final que se regista no Girabola Zap.

"O campeonato está extremamente equilibrado e tenho dificuldade de quantificar os pontos que serão necessários para a nossa manutenção. Acredito que qualquer uma das equipas, que estão na mesma condição que a nossa, não estão em condições de o fazer. O mais importante é ganhar os jogos, de maneira a somarmos os pontos que tanto necessitámos para a estabilidade classificativa", comentou.

O desfecho dos últimos jogos entre as duas equipas também mereceu uma avaliação  de Corola que considerou algo menos preocupante, e recordou que cada jogo é um jogo.

"Cada jogo é um jogo. O ASA é uma equipa grande, tal como o Progresso que também tem o seu histórico. Mas isso, vale o que vale, e o jogo de amanhã (hoje) vai ser extremamente disputado. Acredito que vamos entrar em campo para pontuar, este é o nosso grande objectivo", respondeu.

Indagado sobre o estado anímico no balneário aviador, Corola disse não ser fácil gerir o grupo de trabalho que tem à disposição, devido às várias contingências que se vivem no clube, desde o próprio terreno onde treinam, até aos pormenores ligados ao clube em si.

"Não é fácil gerir esse grupo, porque tudo passa em primeiro lugar na forma de gerir o terreno onde a gente treina, e a própria situação estrutural do clube. Mas temos feito o nosso melhor. A rapaziada está concentrada sobre tudo isso, e amanhã vamos  dar uma resposta", referiu.

Para a referida partida diante do Progresso do Sambizanga, Corola pode provavelmente entrar com: Maguette, Anastácio, Josimar, Jonhson, Miro, Gerry, Minguito, Sérge, Nelito, Guelor e Fabrice, mas também foram convocados Traoré, Milex, Kialunda, Reginó, Gaca, Manuel, Fofó, Amarildo e Castro.