Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

D'Agosto visita Kabuscorp com olhos no segundo posto

Augusto Panzo - 22 de Julho, 2009

O 1º de Agosto pode reassumir o segundo lugar do Girabola, caso vença hoje, no Estádio dos Coqueiros, o Kabuscorp do Palanca, num dos dois jogos que encerra a 18ª jornada da competição. O desafio entre palanquinos e militares está agendado para as 15h30.
Obrigado a vencer o desafio para tentar manter a pressão sobre o Petro de Luanda, embora essa já não seja, para muitos, a principal prioridade, apesar de ser ainda matematicamente possível chegar ao primeiro posto, os militares terão de se aplicar a fundo, caso queiram ficar com o segundo lugar no final do Girabola. 
A tarefa desta tarde é ainda mais difícil para a formação do Rio Seco, porque o seu adversário também tem necessidade de vencer, para desafogar a sua situação na tabela classificativa.
Outro motivo de interesse neste desafio está ligado ao facto da equipa do Kabuscorp ser das poucas que tem o cunho de “tomba gigantes” neste Girabola, tendo, inclusive, derrotado o Petro de Luanda, campeão em título e actual líder da classificação.

MOTIVAÇÃO

As análises ao jogo não ficam por aqui. Embora estejam separadas de maneira muito folgada na tabela classificativa (31/19), com vantagem para o conjunto do russo Viktor Bondarenko, as duas equipas têm ainda um elemento: as suas claques barulhentas.
Além do facto de incluírem nos seus plantéis bons executantes, capazes de desequilibrar as partes e protagonizar excelentes jogadas, as classes do Rio Seco e do Palanca são sempre um espectáculo à parte.
Em função desses pormenores todos, acredita-se que o Estádio dos Coqueiros será pequeno pelo facto dos dois clubes arrastarem, normalmente, multidões para os campos.
Com 31 pontos nas suas contas, em caso de vitória, o 1º de Agosto fará 34, assegurando o segundo lugar e deixando para trás o Recreativo do Libolo e o Benfica de Luanda, ambas com 32 pontos.

Caála e Santos FC jogam nos Kuricutelas


Outra partida de interesse da 18ª jornada do Girabola acontece hoje, às 15h30, no estádio dos Kuricutela, na cidade do Huambo, pondo frente a frente o Recrativo da Caála e o Santos FC.
A situação dos dois clubes na tabela classificativa inspira cuidados, esperando-se, por isso, que os dois conjuntos se venham a bater de igual para igual em busca de posições mais tranquilas.
A população do Huambo vai ter, certamente, a oportunidade de assistir a uma grande partida do Girabola, porque estarão em confronto duas formações com plantéis recheados de atletas determinados.
O resultado final deste desafio vai mesmo provocar algumas mexidas no quadro classificativo, porque caso os caalenses consigam vergar o Santos, passam automaticamente para a nona posição, actualmente ocupada pela formação do Morro Bento, mas a suceder o contrário, os santistas vão manter-se no mesmo lugar, ganhando apenas mais três pontos.
Caso vença, a Caála vai obrigar a formação do Santos a baixar um degrau na classificação.
À entrada deste jogo, o Santos está em 9º lugar com 19 pontos, os mesmos que têm o Kabuscorp do Palanca, Desportivo da Huíla e 1º de Maio, ao passo que o Caála tem 17, em 13º lugar.