Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

David continua em dvida para o desafio com a Cala

Jorge Neto - 17 de Setembro, 2009

O médio David continua a ser a grande preocupação no plantel do Petro Atlético de Luanda que prepara o desafio da vigésima-segunda jornada do Girabola. Apesar de ter começado já a realizar algumas corridas, anteontem (terça-feira), o goleador tricolor mantém-se em dúvida para o desafio contra o Recreativo da Caála, em função da lesão que contraiu há três semanas, diante do Interclube. 
Durante duas semanas, David realizou apenas tratamento à base de ultra-som, tens, laser-terapia, gelo e alongamentos, ao que tudo indica tem dado os seus frutos, pois, até à semana passada o jogador ainda sentia dores na perna, tal como admitiu ao Jornal dos Desportos, facto que o impedia de fazer algumas corridas.
Contudo, apesar de o jogador ter começado a fazer algumas corridas, as hipóteses do médio jogar diante da formação do Huambo são poucas, devido a quebra dos níveis físicos pelo tempo que esteve no “estaleiro”. Por isso, ainda que recupere nos dias que antecede ao jogo, não estará no máximo das suas capacidades para ajudar os seus colegas a conquistarem mais uma vitória no campeonato.
Com 18 golos marcados no campeonato, David é uma peça importante no xadrez da equipa de Bernardino Pedroto, mas a equipa técnica já fez saber que “não há jogadores insubstituíveis”, daí que Nelo e Tunga se apresentam como principais candidatos ao lugar do médio.    
Nelo, jogador habitual nas convocatórias do seleccionador Manuel José, é quase dado como certo na equipa titular, pois tem sido mais opção dos técnicos petrolíferos do que Tunga que realizou poucas partidas na presente época. Aliás, mesmo quando é escalonado como suplente, Nelo é um dos atletas mais utilizado nas substituições de Pedroto. 

DETALHES

Os líderes do campeonato projectam com todos os detalhes a deslocação ao Huambo, onde aguardam por muitas dificuldades, por isso, fazem da entrega e dedicação nos treinos a sua divisa máxima.
Dado ao carácter importante deste desafio, em caso de vitória faltarão apenas três pontos para conquistar o título, isso caso o Benfica de Luanda não vença o ASA, Bernardino Pedroto vai manter a mesma postura ofensiva que tem norteado o seu conjunto durante a presente temporada.

Asha cumpre castigo federativo

O lateral-esquerdo do Petro de Luanda, Yamba Asha, vai falhar o desafio do próximo sábado, no estádio dos Kurikutelas, frente a formação do Recreativo da Caála, no prosseguimento da 22ª jornada, devido a acumulação de cartões amarelos. Deste modo, o internacional angolano não vai dar o seu contributo à equipa neste importante desafio que pode consagrar os tricolores como campeão de 2009.
Para substituir Yamba Asha no lado esquerdo da defesa, a equipa técnica tricolor, liderada pelo português Bernardino Pedroto, tem como opção o jovem Cassoma. O polivalente atleta pode actuar no eixo da defesa e como trinco, mas nos últimos dois anos tem sido adaptado a lateral-esquerdo como substituto imediato de titular Asha.
Esta temporada, Cassoma realizou apenas três jogos, uma situação que o torna num jogador com alguma falta de ritmo competitivo, mas nem isso abala a confiança que é depositada nele pelo técnico Bernardino Pedroto. 
Essa confiança parte dos treinos. O jogador tem pautado por uma boa conduta, entregando-se abnegadamente ao trabalho, ganhando com isso a confiança dos integrantes da equipa técnica tricolor. Aliás, no ano passado, Cassoma realizou excelentes exibições ocupando nesta posição quando o lateral Asha esteve a contas com uma lesão que durou mais de dois meses. JN