Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Ekrem Asma esconde estratgia

Jlio Gaiano, no Lobito. - 10 de Outubro, 2015

Treinador da Acadmica divulga "onze" apenas algumas horas antes do jogo

Fotografia: Jos Soares

O “onze” inicial da Académica do Lobito para o decisivo desafio desta tarde, às 15h30 no estádio do Buraco, diante do Recreativo do Libolo, referente à 30ª jornada do Girabola 2015, é conhecido horas antes do arranque da partida, soube o Jornal dos Desportos do técnico dos estudantes, que evocou questões estratégicas.

De acordo com o técnico Ekrem Asma, a equipa está numa situação que exige de todos absoluta concentração, face ao desenrolar da situação à volta  da contenda. Na sua óptica, a opinião pública desportiva atribui e com razão, favoritismo ao Libolo, mas  acredita no potencial da sua equipa.

“Vistas as coisas ao pormenor, a situação é deveras complicada para as duas equipas, em função dos objectivos que perseguem. Por isso, não é bom para os meus jogadores que se vêem pressionados para a vitória e nada mais do que isto. Vai ser um sufoco para os meus rapazes, face à realidade em que se submetem. O público vai estar de olhos abertos ao seu rendimento, em caso da derrota, vai ser uma tristeza autêntica. Por isso, decidimos concentrá-los num único lugar, trabalhar fortemente a vertente psicológica”, precisou.

Ekrem Asma é de opinião, que no jogo de hoje, que  envolve a sua equipa e a do Libolo, o árbitro (António Caxala) seja sério e comprometido unicamente  com o bem -servir da arbitragem, já que em causa vai estar o destino dos contendores.

“Façamos votos que o resultado seja coroado de justiça e digna arbitragem, na qual o derrotado saiba reconhecer o feito do seu oponente”, sugeriu. Não obstante resguardar-se na divulgação do "onze" inicial, por aquilo que apuramos na manhã de quinta-feira, e pela forma como se arquitectou o esquema táctico, tudo aponta que o professor Asma possa começar com Wilson Alegre- Adolfo, Libero, Zuzi, João Vala - Nelito, Higino, Cláudio, Jorge Kadú e Cachi - Jacek Magdzinsk.