Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Estudantes do sinais de vida

22 de Setembro, 2015

Estudantes mostram vivacidade para lutar por um lugar no Girabola'2016

Fotografia: Antnio Soares

A Académica do Lobito deu um passo em frente rumo á sobrevivência no Girabola. Os encarnados bateram o Atlético Sport Aviação (ASA), e subiram para a décima primeira posição, a dois pontos dos tricolores. No entanto a luta pela manutenção ainda é longa dado á curta distância que os separa dos últimos colocados. O Sporting de Cabinda ê, por exemplo, décimo terceiro classificado e tem menos dois pontos.

Não há puder isso razões para já os estudantes soltarem o foguete de alegria, porque nada está ganho. O Petro de Luanda está a descer numa velocidade de cruzeiro para zona turbulenta da classificação.  Os tricolores voltaram a perder, com isso se colocaram a jeito na zona na qual as equipas menores tentam com todas as suas forças sobreviverem.

Apesar disso, são remotas as possibilidades de acontecer o pior, ou ver o Petro de Luanda descer de divisão. A equipa orientada por Grassiel tem capacidade para se manter na prova, ainda que os últimos jogos mostraram uma formação sem força anímica.

O Recreativo da Caála marcou um passo decisivo para na luta contra a despromoção. A formação do Huambo ocupa a sétima posição, e precisa mais quatro a cinco pontos para selar a sua presença no Girabola de 2016. É uma recuperação que surpreende todas as previsões depois da hipótese de desistir da prova, por dificuldades financeiras.