Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Estudantes e polcias polarizam atenes

Jlio Gaiano, Lobito - 10 de Junho, 2016

Jogo que acontece justamente na fase de ascendncia competitiva das duas equipas que se assemelham no seu estilo de jogar com um futebol alegre e de classe

Fotografia: Jos Soares

A Académica Petróleos do Lobito e do Interclube de Angola jogam amanhã para a 15ª jornada do GirabolaZap2016, jogo que acontece, justamente, na fase de ascendência competitiva das duas equipas que se assemelham no seu estilo de jogar, com um futebol alegre e de classe.

Nas últimas quatro jornadas, dos 24 pontos possíveis, os dois produziram 17, tendo 9 dos estudantes e os restantes (8) dos polícias, daí a razão do interesse na contenda que mexe com a massa apoiante do futebol em terras lobitangas.

Reza a história que o Interclube de Angola dificilmente perde no estádio do Buraco, uma tradição que a Académica pretende quebrar na disputa deste sábado à tarde.

Na época passada, os estudantes estiveram à beira de concretizar tal desiderato, não fosse aquela cabeçada de Moco que já ao cair do pano (90'+3') acabou com a festa ao anular a vantagem construída por Cachi, no minuto 76.

Pareceu um dia pesado e triste para os lobitangas que, até à altura do "maldito-golo" de Moco, acreditavam nos três pontos. A alegria redundou-se numa tristeza autêntica. O público deixou o estádio aborrecido, apesar de reconhecer a justiça no resultado.

Para a infelicidade dos apoiantes da Académica, desta vez, Cachi vai procurar marcar contra a sua antiga equipa. Uma equipa que conhece perfeitamente. Afinal, não é por caso que muitos lamentam pela sua saída. No meio disso, há que ainda responsabiliza técnico Vaz Pinto pela cedência do antigo camisola ao Interclube de Angola.

Na verdade, foi o próprio atleta que manifestou o desejo de abandonar o clube. A direcção liderada por Luís Borges anuiu a petição do jogador e entendeu cede-lo ao Interclube de Angola, em cumprimento das cláusulas firmadas pelas duas agremiações desportivas no que toca ao jovem atleta.

A par de Cachi, evoluem no Interclube mais dois atletas formados na Académica do Lobito. O central de marcação, Hugo Valdez e o médio ofensivo, Justo Paty são duas unidades influentes na manobra do conjunto treinado pelo croata Zdravko Logarusic.Revelam-se como verdadeiros esteios do futebol produzido no reino do Buraco.

Observadores atentos com o evoluir da situação garantem estarem criadas as condições pisco-emocionais para se ver um encontro salutar para os gostos do público lobitanga que terá a oportunidade de rever os dotes futebolísticos das duas equipas em contenda, com Higino, Adó Pena, Cláudio, Nelito, pela Académica; Paty, Valdez e Cachi, pelo Interclube a constituírem-se na atracção do adeptos. São os ânimos a exaltarem-se, na expectativa crescentes à medida que se aproxima a hora do embate.


BILHETES
Dois mil ingressos
para jogo no Buraco


O director-geral da Académica Petróleos Clube do Lobito, Duarte Adriano Kuatula "Esquerdinho", disse ao Jornal dos Desportos que estão criadas as condições para que o jogo de amanhã decorra sem sobressaltos de maior monta e apelou ao público que acorrer ao estádio a pautar-se pela disciplina e ordem no estádio.

"A organização tem, praticamente, tudo em ordem. Façamos votos que, o público coopere connosco, deve pautar-se pelo civismo e respeitar o adversário. Queremos fazer desta partida uma festa do futebol, na qual vença o melhor e que esta, seja a bandeira do fair-play", apelou.

Ainda de acordo com o dirigente da Académica do Lobito, a organização colocou os bilhetes para o jogo estão a ser comercializados desde quinta-feira no valor de 2 mil kwanzas/camarotes; mil kwanzas para bancadas gerais e quinhentos para peões.

Um grupo de efectivo da Polícia Nacional foi mobilizado para manter a ordem e disciplina no estádio, isto é, antes, durante e após o jogo, cujo arranque está marcado para as 15h00'.
JG