Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Estudantes sem medo do campeo

28 de Maio, 2015

Equipa tcnica dos lobitangas insistiu na esquematizao defensiva para evitar surpresas no desafio diante do campeo

Fotografia: Jos Soares

O técnico da Académica do Lobito, Ekrem Asma, considera que o seu próximo adversário, na 15ª jornada, o Recreativo do Libolo, é uma equipa forte e com muitos atributos no campeonato, mas não se sente nada intimidada para o jogo com esse adverário, no sábado.

“É uma equipa que sabe estar em campo e que dificilmente deixa-se intimidar diante do seu oponente, que enfim, não marca muito, mas também raras vezes sofre golos no seu reduto, facto que deixa-nos de sobreaviso”, disse.

“Estamos a trabalhar a pensar no jogo. Resta esperar para ver o que vai dar, quando no sábado à tarde defrontarmos em sua casa o adversário. Temos uma equipa boa que pode surpreendê-lo, mas nada de exageros até porque o adversário tem dado provas de que o título que exibe não é obra do acaso. Por isso, não vai querer deixar passar este momento, para fazer valer a sua condição de favorito”, sublinhou.

Na sessão de treino de ontem, orientado pelo turco-germânico da equipa técnica, insistiu na esquematização defensiva e ataque continuado, para explorar as falhas do adversário.

“Vamos continuar a trabalhar e a desempenhar o nosso papel. O que os outros dizem sobre o que temos de fazer ou não, pouco nos interessa, porque estamos aqui por merecermos. Foi o fruto de trabalho que desenvolvemos de algum tempo à esta parte”, disse

“Não faz sentido ligar as observações que visam desencorajar o nosso trabalho. Uma coisa é a Académica e outra são os outros, que em campo têm de provar que são melhores, o resto são conversas próprias do futebol”, desabafou Ekrem Asma.

O técnico principal da Académica Petróleos do Lobito, Ekrem Asma, quer terminar a primeira volta do Girabola de 2015 com uma vitória no jogo com o Recreativo do Libolo, referente à 15ª jornada marcado para sábado, a partir das 15h00, no estádio municipal de Calulo. Manter-se entre os dez primeiros da tabela classificativa da competição, é o desejo manifestado pelo técnico, diante da massa apoiante e direcção do grémio.


ESTUDANTES
Viagem a Calulo
acontece hoje


A equipa deixa a cidade do Lobito hoje de manhã, via terrestre, para Calulo, numa caravana integrada por  dirigentes, técnicos e jogadores que quando chegarem àquela vila, vão ser submetidos a uma ligeira sessão para amortecer os músculos. A adaptação ao piso do Estádio municipal do Calulo acontece na manhã de sexta-feira, para no dia seguinte de tarde a equipa fazer observação de jogos em vídeos, que envolvem a actuação do adversário da jornada.

A comitiva espera não viver problemas idênticos aos da jornada anterior, a 14ª jornada contra o Recreativo da Caála, no Lobito, onde  os estudantes apresentaram-se com uma postura diferente da habitual.A equipa remeteu-se à defesa, dava ao adversário todas as iniciativas do jogo, facto que acabou por reverter numa “estrondosa” vitória, o que levou o presidente da Caála, Horácio Mosquito, a irritar-se.

 O trio de arbitragem e dirigentes desportivos não foram poupados à crítica tendo ameaçado abandonar o Girabola caso a equipa continuar remetida na defensiva.