Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Ex-guarda-redes do 1 de Agosto incentiva apoio a jovens talentos

Paulo Caculo - 24 de Dezembro, 2018

Jogador fez entrega de material desportivo ao proprietrio da escolinha de formao

Fotografia: Dr

O nosso país só pode vir a alcançar sucessos com o futebol, no futuro, se houver disponibilidade das pessoas, em ajudar os poucos projectos de formação que existem em Angola. Quem o diz, é António Dominique, antigo guarda-redes do 1º de Agosto e internacional dos Palancas Negras.
O futebolista evolui no Basileia da Suíça,  foi no sábado protagonista de um acto nobre e raro, entre os jogadores angolanos, ao oferecer uma viatura e dois quites de material desportivo completo (camisolas, calções, meias e botas) à Escola de Futebol XK, localizado na Centralidade do Kilamba.
Dominique quis aproveitar, da melhor forma, o espírito de Natal que se apodera das pessoas, em vésperas do 25 de Dezembro, para encarnar a figura de \"Pai Natal\", dos jovens talentos às ordens de Nzuzi André, ex-seleccionador nacional de sub-20, actualmente, a emprestar o seu saber aos petizes da escolinha.
\"Quando jogava no 1º de Agosto, fiquei a saber deste projecto e de imediato me predispus a ajudar. Não via, a altura de poder gozar de um tempo, para concretizar este objectivo. Hoje (sábado) estou aqui para fazer esta oferta,  incentivar os jovens a continuarem a alimentar o sonho de se tornarem futebolistas profissionais\", disse o guarda-redes.  A prenda de Natal, testemunhada por duas centenas de crianças e encarregados de educação, marcou de forma efusiva as festividades do encerramento do ano desportivo da escola de futebol, que em Junho do próximo ano comemora o primeiro aniversário.
\"Estou muito feliz, por poder ajudar no que for possível. Sou muito grato pelo meu país. Tive aqui, oportunidades e espero voltar a gozar de mais chances, para jogar e evoluir na minha carreira. Só posso enaltecer este projecto, criado pelo senhor Xavier Kassoma, porque serve para jovens no futuro serem futebolistas\", justificou Dominique.
O futebolista regressa à Suíça na sexta-feira, fez questão de deixar palavras de incentivo aos jovens talentos, tendo usado de um microfone e dirigido algumas declarações aos futuros craques do futebol, lembrou a todos que \"tudo começa na base\" e que para se atingir o estrelado, \"é preciso muito trabalho e força de vontade\".
Antes de deixar a escola de futebol, o guarda-redes do Basileia da Suíça confraternizou com as crianças e com os encarregados de educação, autografou várias fotos, distribuiu aos jovens e levou como recordação uma satisfação enorme espelhada no sorriso dos petizes.

DEFESA
Bobó é candidato
a melhor de África


O defesa -central do 1º de Agosto, Bobó Ungenda, está nomeado para a categoria de melhor defesa africano do ano, além de constar do 11 ideal da última edição da Liga dos Clubes Campeões Africanos.
O experiente central congolês democrático realizou uma excelente participação na edição de 2018, da maior competição futebolística africana de clubes, onde o conjunto militar foi eliminado nas meias -finais, de forma tendenciosa, pelo Esperance de Tunis da Tunisía, actual campeão. 
No eixo da defesa, Bobó fez dupla com o capitão Dany Massunguna, foi uma das equipas com menos golos sofridos, além, também, das exibições de luxo do guarda-redes Tony Cabaça, em desafios importantes.
Esta, é a quarta época do jogador congolês,  ao serviço dos tricampeões nacionais,  conquistou três campeonatos, é proveniente da formação do Kabuscorp do Palanca. JN


TREINADORES
Filemon e Nzuzi
elogiam o gesto


Os técnicos Romeu Filemon e Nzuzi André foram unânimes em afirmar, que o gesto do atleta António Dominique, em viajar da Suíça para oferecer material desportivo à uma escola de futebol em Angola, merece todos os elogios possíveis.
"É um gesto nobre e que devemos sempre enaltecer. O Dominique sempre teve um carácter que me impressionou, quer como futebolista, como enquanto homem. Devemos elogiar e incentivar outras pessoas, a fazerem o mesmo", disse Romeu Filemon, um dos convidados de honra da cerimónia de encerramento do ano desportivo da escolinha de futebol.
"O nosso futebol precisa de pessoas desta natureza, que olhem para o futuro do nosso futebol com preocupação, também com optimismo de que podemos melhorar, se houver cada vez mais apoios. Certamente, que outras pessoas vão seguir o exemplo", acrescentou Nzuzi André, técnico responsável pela orientação das crianças.
Os dois treinadores acreditam, por outro lado, que o aumento do número de escolas de futebol em Luanda,  em quase todo o país, vai contribuir grandemente para a melhoria da qualidade do futebol e do futuro futebolista.


XAVIER KASSOMA
“Assim
se fazem   

craques”

O patrono da Escola de Futebol XK garante não ter dúvidas,que o dia 22 de Dezembro fica marcado na memória dos jovens talentos da Escola de Futebol XK, pelos momentos \"inesquecíveis\" proporcionados pelo antigo guarda-redes do 1º de Agosto, António Dominique.
Xavier Kassoma considera ter criar excelentes condições de incentivos para os alunos da escolinha de formação continuarem a apostar na prática da modalidade. Afirma, piamente, não ter dúvidas de que após à passagem de Dominique pela escola, as crianças não vão pensar em desistir do futebol.
\"Penso, que é desta forma que se fazem os craques do futuro: dar apoio e criar condições de trabalho. Não conheço outra forma. Acredito que gestos como estes do Dominique, deviam continuar a existir em Angola, porque os nossos jovens têm talento, precisam de mais apoio e condições de trabalho\", disse o também agente do jogador.
\"Quando coloquei o Dominique no Basileia, não esperava que fosse nos surpreender com este gesto, tão cedo. Fruto deste apoio, que recebemos do jogador e também do Basileia, decidimos assumir o acordo de nos tornarmos parceiro desse clube da Suíça, de formas a que possamos merecer mais apoio no futuro, e colocar atletas a evoluir também no campeonato suíço\", acrescentou Xavier Kassoma.
Enquanto agente de Dominique, o patrono da escola de futebol acredita que o futebolista cumpre na Suíça um  sonho. Garante que o jogador  pode rumar para a Inglaterra, nos próximos tempos, fruto do interesse que existem, de duas equipas inglesas da segunda divisão.
\"O Basileia oferece novo contrato de três anos, mas vamos analisar, porque temos clubes da segunda da divisão na Inglaterra, que estão interessados. Ele (Dominique) pode jogar noutro clube, porque é ambicioso e tem objectivos a alcançar\".