Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Fabrcio e Duarte esto disponveis

Paulo Caculo - 13 de Maio, 2016

Jogadores lesionados voltam a estar disponveis para o treinador do Petro de Luanda

Fotografia: Jos Cola

Os regressos em pleno de Fabrício e Duarte ao naipe de jogadores disponíveis, tendo em vista o jogo com o Atlético Sport Aviação (ASA), agendado para as 18 horas, no estádio dos Coqueiros, representa a principal novidade no Petro de Luanda. O médio e o avançado treinam desde o começo da semana sem problemas e estão entre os convocáveis para o desafio da 12ª jornada  do Girabola Zap.

Durante a preparação é notória a intenção do técnico Beto Bianchi em promover os dois jogadores ao grosso de convocados. E a alimentar a provável reintegração de Fabrício e Duarte nas opções para o embate com os aviadores está o facto dos dois experientes atletas de 32 e 29 anos, respectivamente, estarem a treinar sem limitações, deixando transparecer a imagem de estarem a 100 por cento das respectivas condições físicas.

Ontem, na penúltima sessão de treino, foi visível a preocupação do treinador em corrigir todos os detalhes de armação do caudal ofensivo e defensivo.
Deste ensaio, realce para o facto de Beto Bianchi ter sido muito interventivo nas acções de construção do bloco ofensivo, tendo por inúmeras vezes se colocado no centro do relvado, umas vezes para corrigir jogadas e outras para exemplificar ou mostrar como deve ser feito.

No ensaio derradeiro agendado para a manhã de hoje, no Catetão, o técnico do Petro pode voltar à carga, devendo os jogadores serem submetidos a exercícios de  circulação, passe e posse de bola. E, diga-se, nesse aspecto, que os ensaios de jogadas combinadas, com incidência para os ensaios de finalização pode voltar a dominar o treino dos tricolores.

A presença ontem no local de preparação do presidente Tomás Faria pode ter servido de tónico suplementar para a motivação que se precisa, tendo em vista o objectivo de regressar às vitórias. A derrota averbada na jornada passada já foi dissecada pelo plantel, e tal como sublinhou o treinador hispano-brasileiro, o grupo está altamente concentrado para voltar a dar uma resposta positiva aos anseios dos adeptos e direcção do clube.

Treinam às ordens de Beto Bianchi os seguintes jogadores; Lamá, Mira, Ari, Maludi, Elio, Etah, Chara, Fabrício, Manguxi, Job, Mig, Miguel, Mateus, Carlinhos, Wilson, Diógenes, Jirresse, Duarte, Gerson, Balacai, Mavambu e Abdull.


BOLETIM CLÍNICO
Jirresse e Mira lesionados


O avançado Jirresse e o lateral Mira representam os dois únicos casos de lesão entregues ao Departamento Médico do Petro, soube-se do doutor Nelson Bolivar, chefe máximo do sector responsável pelo estado de saúde da equipa.

"A actual situação está bem melhor, o quadro actual é satisfatório. Só por questões médicas o Mira, que está com dores no adutor e com um quadro de malária e o Jirresse, que teve um traumatismo no tornozelo direito e não treinou, provavelmente não vão conseguir jogar.

São estes dois jogadores que, por questões medicas, não devem jogar", esclareceu o médico dos tricolores. Nelson Bolivar assegurou, por outro lado, que o Francis e o Fabrício, que estavam impossibilitados de jogar devido a lesões no ligamentos lateral e o Duarte, que se queixava de uma inflamação no dedo foram entregues à equipa técnica e só dependem do treinador para jogarem.

"Há as lesões musculares que normalmente podem ser resultado do excesso de treino e outras traumáticas que resultam do choque. Mas, no nosso caso, as lesões são apenas traumáticas, porque a intensidade do treino é alta e as disputas pelas posições estão mais acérrimas".
PC


BETO BIANCHI
“Temos de vencer o jogo”


O técnico do Petro de Luanda, Beto Bianchi, mostrou-se ontem extremamente optimista no regresso à vitória no jogo frente ao ASA, amanhã, nos Coqueiros. O hispano-brasileiro garante ter a equipa com moral alto e força colectiva para redimir-se da derrota averbada na jornada passada.

"Esta semana foi muito boa, no sentido que recuperamos um pouco o moral dos jogadores. Quando se vem de uma derrota o ânimo não é o mesmo, mas é bom saber que a equipa tem de lutar a 100 por cento para vencer, e se não acontece acabámos por perder, como foi o que aconteceu na jornada passada", esclareceu o treinador, que aplaude os regressos de Fabrício e Duarte.

 "Estão a treinar com normalidade e à disposição dos técnicos. Vou analisar a condições físicas deles, mas são jogadores que estão à nossa disposição", assegurou.

Em relação ao adversário deste sábado, Beto Bianchi acredita que apesar da má fase que atravessa a equipa do aeroporto, não está a espera de facilidades.

"O ASA está a atravessar um mau momento, sem técnico, mas quando chega na hora do jogo os jogadores esquecem e precisam reverter a situação.
A gente também precisa inverter o resultado do jogo passado. Estamos no segundo lugar e não podemos empatar. temos de vencer este jogo. Os jogadores sabem o quem têm de fazer e a ideia é conservar a posição, não deixar o líder muito distante. Estamos a lutar nesta margem de pontos, para não ficarmos muito distantes dos primeiros lugares", acrescentou o técnico dos tricolores.
PC