Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

FAF confirma retirada de pontos

Jorge Neto - 14 de Julho, 2018

Direco do Progresso promete reagir sano da FIFA

Fotografia: Kindala Manuel | Edies Novembro

A Federação Angolana de Futebol confirmou no seu Comunicado Oficial nº 028/SG/18, a retirada de seis pontos ao Progresso do Sambizanga, em cumprimento à deliberação da FIFA, por incumprimento contratual relativamente ao atleta ghanês Raphael Kwaku Obeng e não o camaronês Nyame Patrick, que representou os sambilas, tal como noticiou o JD, na sua edição de terça-feira.
\"O Conselho de Disciplina reunido em sessão ordinária  do dia 9 de Julho 2018, analisou a decisão remetida pela FIFA de 5 de Julho de 2018, referente ao diferendo que opõe o Progresso Associação do Sambizanga ao jogador Raphael Kwaku Obeng, Ghana, assim: são retirados seis pontos ao Progresso no Girabola Zap\", lê-se no documento.
O Jornal dos Desportos, apurou junto da formação sambila, que o atleta treinou na equipa B, em 2015,  aguardava por possível chamada do técnico Mário Calado para o plantel principal, depois de alguns meses, deixou de comparecer aos treinos sem dar qualquer satisfação.
Contactado pelo JD, a direcção do clube promete reagir nas próximas horas, alega estar a reunir a documentação, para provar que não deve nada ao atleta e contrapor à decisão do órgão reitor do futebol mundial.
De recordar, que o presidente do Conselho de Disciplina da FAF, José Carlos Miguel, revelou durante uma entrevista ao nosso jornal, que o Progresso do Sambizanga  pode rever os pontos perdidos, caso provem ter cumprido com as suas obrigações para com o atleta. \"Se apresentarem comprovativos de que não devem nada ao atleta, será reposta a verdade\", informou.
Segundo o nosso interlocutor, a direcção sambila quando notificada pela Federação relativamente à medida aplicada pela FIFA, mostrou-se surpresa e alegou que tudo estava sanado, mas não entregaram nenhuma prova que os inocente.
\"Quem aplicou a medida foi a FIFA ,  a FAF só aplica o que veio de cima. Como o Progresso diz que tem comprovativos de que pagou, estamos a aguardar as provas para depois enviar tudo à FIFA. Se isso acontecer, vai ser anulada a sanção aplicada\", esclareceu.
Com o cumprimento da deliberação, a formação do Progresso do Sambizanga que ocupava a oitava posição do Girabola Zap 2018, com 25 pontos, baixa cinco degraus na tabela de classificação do campeonato, ou seja, passa para a 13ª posição, com 19 pontos.
Situação idêntica a do Progresso do Sambizanga, aconteceu ainda esta época com o Kabuscorp do Palanca, e cuja equipa foram retirados 12 pontos, devido ao \"caso\" Rivaldo.