Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

FC Maquis com dvida de trs meses de salrios

Daniel Melgas - Luena - 07 de Novembro, 2017

Jogadores com trs meses sem salrios

Fotografia: Jornal dos Desportos/ Edies Novembro

O presidente do FC Bravos do Maquis, Manuel Quitadica Docas, qualificou como “época futebolística razoável”, face ao desequilíbrio financeiro vivido pela equipa, que acumulou uma dívida avaliada em mais de 170 milhões de Kwanzas, que corresponde a três meses de salários com jogadores e quatro com os administrativos.

Em entrevista de balanço em relação à época futebolística, em que a equipa ficou na 11ª posição, longe do oitavo que se previa, disse que houve insucessos, embora, garanta estar a trabalhar com o patrocinador (SODIAM) para a resolução do passivo, mas ainda  sem data.

Elogiou a competência de Zeca Amaral, que não obstante encontrar a equipa do Moxico na sétima rodada do Girabola Zap 2017, conseguiu uma boa prestação, deu novo impulso à equipa, e conseguiu mantê-la na primeira divisão.

Faca às qualidade que reconhece em Zeca Amaral, a direcção do clube, segundo garantias do seu presidente, vai manter o técnico na condução da equipa técnica, e o mesmo já se prepara para na terça-feira efectuar uma “varridela” e anunciar novas contratações para o Girabola Zap 2018.

Apesar da competência que reconhece em Zeca Amaral, Docas admitiu que a equipa enfrentou “sérias” debilidades no sector do ataque durante o campeonato, marcou 19 golos, sete dos quais do médio Pataca, e promete melhorar na próxima época.

“A equipa técnica vai-se manter, mas alguns jogadores serão afastados. O treinador está a baralhar com alguns jogadores que terminaram a época, e as aquisições para os próximos desafios. Agradecemos desde já aos atletas, que serão dispensados pelos contributos que deram à equipa, para que se mantivesse no campeonato”, disse.

Segundo o presidente, na próxima época futebolística, o clube conta apenas com um plantel composto por 24 jogadores, contra os 30 da época que terminou.

Durante o campeonato, o FC Bravos do Maquis realizou 30 jogos, venceu oito, empatou nove e perdeu 13, marcou 19 golos e sofreu 25, ficou no 11º posto com 33 pontos, em 90 possíveis.