Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Hlder Teixeira garante vitria sobre militares da Regio Sul

Jorge Neto - 19 de Março, 2017

Proletrios determinados em somar mais pontos na luta pela manuteno no Campeonato Nacional

Fotografia: Jos Cola

O jogo desta tarde, às 15h30, no estádio municipal Edelfride Palhares da Costa “Miau”, diante do Desportivo da Huíla, é para ganhar. A garantida foi dada ontem ao Jornal dos Desportos pelo treinador principal da equipa do Estrela 1º de Maio de Benguela, Hélder Mário Teixeira, quando fazia a antevisão do duelo da sétima jornada do Girabola Zap.

De acordo com o treinador proletário, só assim o grupo vai manter a confiança e a fé na luta pela manutenção no Girabola Zap.

“No último encontro que realizámos em Luanda, tivemos uma postura diferente dos demais. Só não pontuámos por manifesta falta de sorte. Desta vez, apesar de pouco tempo de trabalho, tivemos o cuidado de corrigir as falhas e melhorar aí onde fomos menos eficientes. Os jogadores entregaram-se de corpo e alma aos treinos. Façamos votos que no jogo de amanhã (hoje), a equipa se apresente determinada e capaz de somar os três pontos”, revelou.

Apesar de reconhecer o potencial do adversário, o técnico da formação proletária assegurou que a sua equipa está motivada e melhor preparada para a contenda. Garante que os jogadores estão consciencializados que se devem evitar o maior número erros possíveis e, desta, evitar igualmente serem surpreendidos no seu reduto.

“Vamos defrontar uma equipa que sabe jogar a bola em qualquer campo do país. Mas, a jogar em casa e diante do nosso público, não temos escolha senão pensar única e simplesmente nos três pontos. Não temos por que pensar num outro resultado. Aliás, faz parte da dialéctica: os jogos, em casa, são para serem ganhos, e diante do Desportivo não vai ser diferente”, precisou.

A formação proletária ocupa a 13ª posição, com 4 pontos. Em caso do triunfo faz sete e alcança os militares da Região Sul no 9º lugar. Uma pretensão que pode se concretizar desde que os seus directos oponentes (JGM, FC Bravos do Maquis e Santa Rita de Cássia FC) “descarrilem” diante dos respectivos adversários da jornada.

Sem precisar a equipa inicial para o confronto com o Desportivo da Huíla, tudo aponta que o técnico Hélder Teixeira pode escalar Rui (à baliza); Dinho, Oliveira, Edson e Finidy (à defesas); Maria Pia, Brasuca, Fatite e Pedy (ao meio campo); Caporai e Alex (ao ataque).