Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Ivo Traa pensa na vitria e boa exibio

Valdia Kambata - 15 de Fevereiro, 2020

Fotografia: Edies Novembro

O desejo de regressar à vitórias no campeonato, depois de o Recreativo da Caála ter interrompido o ciclo de 8 jogos consecutivos sem derrotas, anima o plantel do Interclube para o duelo desta tarde, às 15h30, no estádio 22 de Junho, diante do Cuando Cubango FC.  Com base nisso, o treinador Ivo Campos apostou na sessão de ontem, a última da semana, na finalização e revisão da estratégia a utilizar no jogo desta tarde. 

\"O nosso pensamento está virado para vitória, embora reconhecemos que o nosso adversário é extremamente forte e capaz de criar alguma complicação às nossas aspirações. Temos que regressar rapidamente às vitórias, para continuar com os nossos  objectivos. Por isso, o jogo com o Cuando Cubango vai ser muito difícil. Acredito que se corremos e lutarmos mais que o adversário, teremos certamente a vitória a nosso favor. Vamos, com brio e profissionalismo, tentar fazer um bom jogo”, acrescentou.

Quanto ao adversário, o técnico do Interclube considera a equipa das terras do progresso  de \"boa e perigosa e que merece respeito\" .\"(O Cuando Cubango) é uma equipa perigosa, por isso teremos que ter muito cuidado, sabendo que não haverá facilidades, pois, temos a certeza de que eles vão fazer tudo para conseguir uma vitória em nossa casa. Como sabe, algumas equipas pequenas normalmente se transformam, quando defrontam equipas superiores\", referiu.  

O técnico da equipa da Polícia acrescentou, que tem consciência que os seus atletas vão dar o seu melhor, \"pois este é o momento em que estamos mais unidos e a lutar para ver se conseguimos pontuar”, sublinhou. Quanto  ao  estado anímico dos jogadores,  depois da derrota  com o Recreativo da Caála, disse ser elevado, a julgar por aquilo que foi dado ver nas sessões de treinos da semana. Ivo Campos pode começar a jogar com o seguinte \"onze\": Jelson; Mira, Kinito, Abdul e Panilson; Domingos, Ito, Kaya e Paty ou Carlinhos; Mano Calesso e Modeste.