Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

JGM anuncia desistncia da prova

26 de Abril, 2018

O JGM do Huambo, ltimo classificado do Girabola Zap

Fotografia: Edies Novembro

O JGM do Huambo, último classificado do Campeonato Nacional de Futebol da Primeira Divisão (Girabola Zap), pode falhar esta tarde às 15h00, a recepção ao Sagrada Esperança no fecho da 12ª jornada, caso mantenha a posição assumida ontem pela direcção do clube que anunciou a desistência da competição, por incapacidade financeira. 

Em declarações à imprensa, o presidente e proprietário, Jorge Mangrinha, disse que a direcção do clube está desprovida de verbas para  suportar os encargos no campeonato, sobretudo, as deslocações, o alojamento e os prémios de jogo aos atletas.

Informou que o clube já remeteu ao Ministério da Juventude e Desportos, à Federação Angolana de Futebol (FAF) e ao Governo da província do Huambo, o documento a comunicar a decisão.

Apesar de aguardar pelo deferimento, o responsável confirmou que a sua equipa não vai defrontar hoje à tarde o Sagrada Esperança, nos Kuricutelas,  jogo a contar para a 12ª jornada o campeonato.

Entretanto, Jorge Mangrinha aventou a possibilidade do clube reatar a participação na competição, caso surjam instituições públicas ou privadas, assim como pessoas singulares de boa fé que queiram apoiar o colectivo do Planalto Central. Com dez jogos disputados no Girabola Zap, o JGM do Huambo ocupa a última posição do campeonato com três pontos.  Fundado a 12 de Maio de 1998, o JGM ascendeu pela primeira vez ao Girabola em 2017, ano em que também anuncia a desistência, recuou depois da decisão.

Actualmente, a equipa é treinada por uma comissão técnica orientada por Luís Borges, na sequência da demissão, há uma semana, do treinador Águas Zeca da Silva.