Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

JGM vence em casa e termina com jejum

17 de Março, 2017

O JGM conseguiu finalmente vencer no Girabola e por coincidência no terceiro jogo em casa

Fotografia: Mavitidi Mulaza no Uíge | Edições Novembro

Depois da humilhante derrota na ronda passada, no Dundo, a formação do Huambo recuperou a auto-estima e obteve o resultado que todos auguravam e não merece qualquer contestação, pois, fez por merecer ao longo dos noventa minutos.

As duas equipas, estreantes no campeonato nacional, entraram em campo cientes da necessidade de vencerem e manifestaram logo à partida esta intenção e foram a procura do golo, pressionando o sector mais recuado do seu adversário.

Equilibrados em termos de plantel e com os mesmos objectivos na competição, o favoritismo recaia para os anfitriões que definiram este embate como o da viragem para o seu o futuro ao longo da época.

As declarações do técnico Águas Zeca da Silva na véspera da recepção ao Santa Rita de Cássia, deixou patente que a sua equipa precisava de vencer para saírem da posição que ocupavam na tabela de classificação e ganharem outra disposição.

A vitória coroou o empenho e a determinação de um conjunto que sempre acreditou e fez por merecer os três pontos, sem demérito aos visitantes que procurou sempre empatar o jogo e quiçá virar o resultado.

A formação do Uíge ainda tentou empatar e provar que a réplica dada ao Kabuscorp na ronda passada não foi obra do acaso, mas sim fruto do trabalho que está a ser feito pelo técnico Sérgio Traguil. Mas entre o querer e a concretização, acabaram por ficar apenas pela intenção e averbaram o terceiro desaire.