Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Jotabe e Chora de saída

17 de Novembro, 2016

Atleta perdeu a titularidade e deve abraçar um novo projecto na temporada futebolística 2017

Fotografia: Kindala ManuelL

O guarda-redes Jotabe deve deixar o Interclube, após o término do "Torneio Independência", apurou o JD de uma fonte do clube da polícia.  O atleta chegou ao 22 de Junho em 2015, oriundo do Petro de Luanda, fez 21 jogos como titular, com boas referências, mas a equipa técnica ainda não renovou com o plantel da polícia.

A sua boa prestação valeu-lhe por diversas vezes, a chamada à selecção nacional que disputou o apuramento ao CAN 2016 e às eliminatórias para o Campeonato do Mundo na Rússia. Após algumas lesões, o atleta perdeu a titularidade, deve abraçar um novo projecto para temporada futebolística 2017, não obstante ter manifestado a intenção de permanecer com a camisola azul.

De saída, está também o lateral esquerdo Chora. Contratado no início da segunda volta, por um período de seis meses, para ajudar o clube a conquistar o título, o atleta parece não ter caído nas "graças" da direcção, e até ao momento não recebeu qualquer proposta de renovação.

 O lateral foi dispensado pelo  Progresso do Sambizanga no final da primeira volta, almeja continuar a vestir a camisola dos polícias, em 2017, aguarda por um 'piscar' de olhos de Alves Simões e seus colaboradores. 

Formado  na Académica do Soyo, Chora já representou o FC Bravos do Maquis, ASA, Kabuscorp do Palanca e Progresso do Sambizanga.
Por outro lado, o médio ofensivo camaronês Mfede, está confirmado na lista de dispensas da direcção do clube,  por conta disso, já não se encontra no país, os seus compatriotas, Abianda, trocou o Interclube na segunda volta pelo Kabuscorp do Palanca, e Mvon, continua como o único sobrevivente no 22 de Junho.