Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Jumisse est concentrado na vitria

Jorge Neto - 22 de Abril, 2016

O jogador moambicano foi o rosto e a voz dos jogadores agostinos na conferncia de imprensa onde os militares falaram dos objectivos e estratgias para o jogo com o Porcelana FC

Fotografia: Jos Cola

O médio ofensivo do 1º de Agosto, Eduardo Jumisse, mostrou-se concentrado e determinado em ajudar a equipa a somar mais três pontos na recepção ao Porcelana FC, no domingo às 18h00, no Estádio 11 de Novembro, para a nona  jornada do Girabola  Zap.

O jogador moçambicano foi o rosto e a voz dos jogadores agostinos na conferência de imprensa realizada na última quarta-feira, no RI-20, dizendo que a equipa se preparou da melhor maneira possível e que estão no bom caminho.

"Estamos concentrados e determinados, preparamos este jogo como os outros que disputamos no campeonato e estamos a trabalhar para ganhar e somar os três pontos", disse o jogador

Jumisse sublinhou que "estamos conscientes de que queremos ganhar todos os jogos que temos pela frente, mas temos de ter calma e concentração porque estamos no bom caminho e pensamos continuar assim”.

Sobre as dificuldades que os pupilos do brasileiro Luís Mariano podem causar aos militares, Jumisse afirmou que “estamos mais concentrados naquilo que é o nosso trabalho".

"Com certeza que eles vão tentar contrariar o nosso jogo e o nosso favoritismo, mas isso é normal e temos de estar preparados para superar as dificuldades que o adversário certamente vai querer nos impor”, acrescentou.

A realizar a terceira época com a camisola rubro negra no campeonato nacional, o jogador internacional moçambicano garantiu que está a viver um momento especial no clube.

“Acho que esta é a minha melhor época desde que vim para o 1º de Agosto, estou a jogar com regularidade, isso é muito importante para nós os jogadores e espero manter essa regularidade”, defendeu.  

Jumisse revelou ainda que cantar o hino nacional angolano antes dos jogos é uma das formas que encontrou para agradecer a forma como foi recebido no país.


SATISFAÇÃO
“Estou feliz no 1º de Agosto”


Jumisse está satisfeito com a sua vinda a Angola e no 1º de Agosto onde diz haver ambiente de trabalho e de camaradagem que o satisfazem, o que, disse, é bom para o sucesso da equipa.

“Desde que cheguei em Angola fui muito bem recebido e quando me apercebi que em todos os jogos cantam o hino nacional então foi uma forma de eu agradecer, respeitando os seus símbolos nacionais”, revelou.

Com esta convicção, Jumissse disse, de seguida que “ como estou feliz no 1º de Agosto, e no que depender de mim. vou continuar neste clube por mais anos”.  

O médio, habitual titular na equipa orientada pelo bósnio Dragan Jovic, analisou o Girabola Zap como um campeonato evoluído tecnicamente, em relação aos outros onde já jogou.

“O Girabola é um campeonato bem disputado, tecnicamente é mais evoluído em relação a outros, nas outras equipas podemos encontrar jogadores que podem decidir o jogo individualmente", considerou.

"O exemplo disso é o que nos aconteceu no desafio contra o Recreativo da Caála, onde fomos lá a pensar que iríamos ganhar o jogo mas fomos surpreendidos”, explicou.


DEFESA
Fissy garante titularidade


O lateral esquerdo do 1º de Agosto está na “pole position” para entrar de início no jogo de domingo diante do Porcelana FC, repetindo deste modo, a titularidade conquistada na sétima jornada, na vitória frente ao campeão nacional, Recreativo do Libolo.

Neste momento Fissy leva da melhor sobre o seu companheiro de posição, Paizo, que regressou aos trabalhos de campo e está totalmente integrado na preparação, após falhar, por doença, a recepção a formação de Calulo.

Em função da disponibilidade dos dois jogadores o técnico militar tem utilizado Fissy no onze inicial, que prepara para defrontar o conjunto da província do Cuanza Norte, em jeito de aprovação a exibição do seu pupilo frente aos campeões nacionais.

A equipa técnica agostina tem alternado os dois jogadores, confirmando o pressuposto de ter a disposição dois laterais esquerdos com grande qualidade, capazes de manter a mesma produtividade, tanto nas acções ofensivas, como nas defensivas.

O 1º de Agosto está disposto a chegar ao fim da primeira volta do campeonato com um grupo de defesas capazes de não permitir muitos golos na sua baliza, visando as contas que são sempre feitas no final da competição.
JN