Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Kito define estratgia

02 de Agosto, 2017

Treinador sambila quer os 3 pontos

Fotografia: Paulo Mulaza | Edies Novembro

Recuperada a condição física, a equipa técnica liderada por Kito Ribeiro está a trabalhar na correcção de alguns detalhes técnicos, e a esboçar o esquema táctico para surtir os efeitos desejados, na recepção aos Interclube.De acordo com o plano de trabalho elaborado pela equipa técnica, que o \"JD\" teve acesso, os sambilas vão ensaiar aspectos com destaque para a circulação, posse de bola e jogadas combinadas, numa clara demonstração dos objectivos que norteiam o grupo. Na sessão única de hoje, a ter lugar no Estádio dos Coqueiros à partir das 16h00, Kito Ribeiro deve voltar à carga com os habituais trabalhos de construção de jogo ofensivo, e melhoria no sistema defensivo.

O treinador mostra-se cada vez mais imperioso nos exercícios de finalização, para melhorar os níveis de eficácia do ataque, que nos últimos três jogos revelaram enorme \"fraqueza\".Hoje, a equipa trabalha no mesmo local (Coqueiros) à partir das 16h00, com a integração de todos os jogadores disponíveis, já que o técnico Kito Ribeiro  conta com todos os jogadores antes do jogo de sexta-feira.

O primeiro dia de trabalho foi marcado pela ausência do avançado Yano, com dores de dente, enquanto o central NZau foi tratar de assuntos familiares. O lateral esquerdo Rene queixou-se de algumas dores. Ausências consideradas justificadas pela equipa técnica, de acordo com Diogo Pedro.Fofó autor do golo de empate do jogo anterior, por sinal o único angolano com oito golos  no presente campeonato, fez parte do treino matinal, mas não terminou devido a dores ligeiras que não precisou, enquanto que Silva esteve a tratar de dores ligeiras na coxa direita.                AU 

PREPARAÇÃO
Polícias redobram a prontidão


Depois de 19 jornadas, o Interclube conseguiu a primeira vitória fora de casa no Girabola Zap 2017,  ao vencer no domingo no Estádio Municipal de Benguela, o 1ºde Maio, por 2-1,  jogo pontuável para a 21º jornada. Com o feito alcançado nesta época, a equipa redobrou a prontidão para os próximos desafios.

A atravessarem um período de graça na segunda volta, os polícias alcançaram a sétima vitória  no campeonato, e ainda não perderam nesta fase derradeira da competição. Com a motivação em alta, a equipa do Rocha Pinto começou ontem a esboçar a visita ao Progresso do Sambizanga, marcada para sexta-feira às 17h00, referente à 19ª jornada.

O plantel está apostado em manter a senda de resultados positivos,  espera contrariar os intentos dos sambilas, no dérbi. Com as mudanças operadas nos últimos jogos, que dão outra dinâmica à equipa do Ministério do Interior,  estão a surtirem os efeitos esperados pela equipa técnica, razão por que a partida de sexta-feira está a ser encarada com determinação.

O estado anímico do plantel do Interclube é elevado, a julgar por aquilo que nos foi dado ver ontem de manhã durante a primeira sessão de treino da semana, realizada no campo 22 de Junho, onde preparam o próximo embate.  A palavra de ordem é manter a senda de resultados positivos.Durante a sessão muito animada, a entrega dos jogadores e a vontade dos membros da equipa de manterem a mesma performance, foi a tónica dominante, sobretudo nas acções de ataque combinado e remates à longa distância, estratégia que os polícias esperam que surtam os efeitos desejados para marcarem muitos golos. 

Hoje, os polícias trabalham à porta fechada no seu campo, a partir das 8h00.  Paulo Torres e seus adjuntos continuam a insistir na assimilação da nova filosofia de trabalho, com realce ao ensaio de lances combinados.O JD apurou, que o Interclube  ensaia o sistema de contra-ataques, com a defesa a ter iniciativa de jogo. O corte em antecipação, e as situações de fora de jogo, vão merecer igualmente atenção da equipa técnica para este sector. Com todos os jogadores disponíveis, os polícias querem voltar a conquistar três pontos, com vista os cincos primeiros lugares da tabela de classificação.         Valódia Kambata


INTERCLUBE
Mano Calesso
justifica aposta



O médio ofensivo Mano Calesso, principal reforço do Interclube  para a temporada  futebolística de 2017,  que na época passada representou o Kabuscorp do Palanca, tornou-se o melhor marcador da sua equipa. Com o golo apontado no jogo com o 1º de Maio de Benguela , referente à 21º jornada do Girabola Zap, o atleta tornou-se o melhor marcador da equipa, com quatro golos, e continua a ser um dos jogadores preponderantes na manobra ofensiva da formação orientada por Paulo Torres.

Titular indiscutível desde que rumou para o Rocha Pinto, com 27 anos de idade, procura a todo custo relançar a carreira desportiva na sua nova equipa, regressa às boas exibições e aos golos o que valoriza a cada jornada a sua contratação.Mano Calesso começou a dar nas vistas ainda miúdo, na equipa do 1ºde Agosto, onde actuou de 2008 a 2010.

Em 2011 transferiu-se para o Progresso do Sambizanga, onde permaneceu apenas uma época. Fruto das boas prestações, regressou ao Ex-RI-20, onde ficou por uma temporada. Nos dois anos seguintes, voltou a representar os sambilas, e logo a seguir, o  Kabuscorp do Palanca. 
Aquando da sua apresentação no Interclube, o jovem médio tinha como objectivo ajudar a equipa da Polícia a terminar o campeonato nacional da primeira divisão, nos lugares cimeiros da classificação.