Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Lees tentam primeira vitria na 2 volta

Betumeleano Ferro - 01 de Abril, 2019

Interclube recebe Acadmica com pensamento nos trs pontos

Fotografia: Jos Soares | Edies Novembro

O Clube Recreativo da Caála e o Sporting de Cabinda empataram na jornada passada, mas o desperdício de pontos foi penalizador apenas para os leões, pois se atrasaram na fuga à despromoção. A deslocação quarta-feira extramuros ao estádio Mártires da Kanhala também é para o pontuar, de preferência com uma vitória, portanto, quando o jogo começar às 15h00 o Sporting só tem uma escolha, lançar-se para frente para tentar surpreender o CRC, que nas últimas jornadas tem feito coisas boas no seu reduto, como que para compensar os adeptos, que antes pediam a cabeça do técnico David Dias, os tempos agora são outros.

Sem sofrer muito com o castigo federativo, porque há muito fez o seu campeonato, o Desportivo da Huíla vai tentar se impor sobre o irrequieto Santa Rita de Cássia, quarta-feira às 15h00, no Ferrovia. Até certo ponto, as duas equipas estão na forma desportiva ideal, claro que os militares da Região Sul têm a parte de leão, mas os católicos embora com chances mínimas podem facturar alguma coisa, o pontito caseiro conquistado diante do Interclube pode servir de moralização para repetir o feito agora em casa alheia.

O dérbi do Leste tinha tudo para ser muito interessante, os problemas internos tiraram força competitiva ao Saurimo FC, mas quem for quarta-feira ao estádio do Dundo, reduto do Sagrada Esperança é capaz de fervilhar quando o jogo começar às 15h30. 

A velha rivalidade entre as duas províncias aumenta o interesse em torno do jogo, a melhor campanha do Sagrada vai chocar de frente com o aparente cumprir calendário do Saurimo FC, a ameaça de desistência está no ar mas até se consumar a equipa da Lunda Sul vai tentar evitar ser o bombo de festa dos adversários.

Ainda a contar para a 22ª jornada há o Interclube - Académica do Lobito, 16h00, no 22 de Junho, um jogo que tem tudo para ser encarado com outros olhos, mas tal não vai acontecer desta vez porque nem polícias, nem estudantes, estão a dar conta do recado, tinham tudo para estar num outro nível mas os resultados falam por si, a intermitência é a marca registada de Interclube e da Académica no campeonato.