Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Lees almejam "devorar"sambilas

16 de Maio, 2015

O avanado congols democrtico Jiresse o melhor marcador da equipa e do campeonato com sete tentos.

Fotografia: Santos Pedro

A comissão técnica do Sporting de Cabinda, comandada por Abo Arthur, pediu ontem, aoS jogadores que sejam determinados e que se apresentem com o  espírito de vencedor no jogo de hoje, às 15h30, no estádio do Tafe, diante do Progresso do Sambizanga, válido para a 13ª jornada do Girabola 2015.  

O grupo liderado por Abo Arthur está consciente, que uma vitória dos leões do Norte sobre a equipa orientada por Albano César, antigo treinador da formação de Cabinda, pode colocar o Sporting na quinta posição da tabela de classificação do campeonato, com 18 pontos, caso o Interclube, Progresso da Lunda Sul e FC Bravos de Maquis não  vençam os seus adversários.

Durante a semana de trabalho, a comissão técnica do Sporting de Cabinda preparou da melhor maneira o grupo,  corrigiu os erros do jogo passado,  para ver se consegue obter os três pontos no desafio diante do Progresso do Sambizanga. Para o desafio desta tarde, apesar da derrota ante o Domant FC do Bengo, os jogadores do Sporting de Cabinda estão com o moral alto para defrontar o adversário sem medo. O técnico Abo Arthur e seus adjuntos prepararam a equipa num 4x5x1, em que o avançado congolês Jiresse vai assumir a responsabilidade de marcar golos, como tem feito nos últimos jogos.

A comissão técnica do Sporting de Cabinda vai mudar a estratégia de jogo para não ser surpreendida no seu reduto pelo Progresso do Sambizanga, que está a ser orientado por Albano César, que conhece bem a forma como os jogadores dos leões do Norte jogam. Aliás, foi o próprio treinador quem montou a estrutura técnica da equipa verde e branco da presente época futebolística.

O Sporting Clube de Cabinda ocupa a oitava posição do Girabola, com 15 pontos, fruto de quatro vitórias, cinco derrotas e três empates. Os leões do Norte marcaram 15 golos e sofreram 20. O avançado congolês democrático Jiresse é o melhor marcador da equipa e do campeonato com sete tentos.
JOAQUIM SUAMI- CABINDA