Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Leonel abafa rugido do leão

Benigno Narciso, no Lubango - 09 de Abril, 2018

Huilanos somaram a segunda vitória caseira e dão salto na tabela classificativa

Fotografia: António Soares | Edições Novembro

O Desportivo da Huíla confirmou a excelente campanha que efectua no Girabola Zap 2018, ao vencer ontem o Sporting de Cabinda, por 1-0, no estádio do Ferroviário, no Lubango, em desafio da 9ª jornada da competição. O triunfo, segundo obtido em casa, revelou a capacidade competitiva da equipa afecta à Região Militar Sul, que com esse feito ascendeu para a segunda posição da tabela classificativa com 15 pontos.
Moralizados com a vitória alcançada na jornada anterior sobre o Kabuscorp do Palanca, por 1-0, em Luanda, os comandados de Mário Soares, cedo resolveram o jogo e passaram grande parte do resto do desafio a conservar a vantagem mínima.
Estavam decorridos 13´, quando o avançado Leonel colocou o conjunto huilano em vantagem. Tudo parecia crer que o desafio seria fértil em golos, já que muito se esperava da equipa local, em função da promessa feita na véspera por Mário Soares e atletas que prometeram boa exibição e vitória aos adeptos.
Contudo, as pretensões dos militares da Região Sul acabaram neutralizadas pela disposição combativa, firmeza e luta dos leões de Cabinda, aliás nunca virar cara à luta.
O tento solitário do Desportivo, aos 13´, não abalou a estrutura defensiva e tão pouco tirou a vontade ofensiva dos visitantes. Essa postura dos forasteiros, impôs equilíbrio ao jogo e permitiu que o mesmo fosse sempre disputado de igual para igual, com investidas de perigos de ambas as partes.
Ainda assim as melhores ocasiões de golo pertenceram à formação de casa, que foi incapaz de concretizar, não por demérito mas por mérito do Sporting de Cabinda. Aos 64´ e aos 77´, o guarda-redes Rudd, do conjunto verde e branco evitou o pior para
O árbitro Benjamim Andrade realizou um bom trabalho, ou seja, sem interferência no resultado final do encontro. Esteve bem fisicamente. No capítulo disciplinar, advertiu com a cartolina amarela três jogadores da formação que viajou da província mais ao norte do país.