Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Libolo a duas vitrias do ttulo

Teixeira Cndido - 22 de Setembro, 2015

Libolo acelera para a revalidao

Fotografia: Jornal dos Desportos

O Recreativo do Libolo tem as portas abertas para conquistar o quarto título nacional. A equipa de Calulo precisa apenas de seis pontos ou duas vitórias para reconquistar o Girabola, maior prova futebolística do país. A derrota do Benfica de Luanda, na Caala, frente ao Recreativo, por 1-0,deixa tranquilo a equipa orientada por João Paulo.

Os campeões nacionais entraram pressionados para a vigésima sexta por conta da curta distância que o separa dos encarnados, porém, saem da jornada quase com o título nas mãos, pois a conjugação de resultados lhes permite acreditar na revalidação.

Os encarnados têm as possibilidades hipotecadas, porque passaram agora a dependentes de duas equipas. Libolo e o 1º de Agosto e, ainda que a diferença com os militares seja curta, e facilmente ultrapassáveis, os encarnados precisam de rezar para que o Libolo perca três dos quatro jogos que restam. E esperar que o 1º de Agosto não vença as quatro partidas. Ou seja, não basta que o Libolo perca os seus jogos, os militares também terão de perder, de modo a que as portas voltem a abrirem-se.

Os militares aproveitaram o deslize do Benfica, e ressuscitaram a ténue esperança de conquistar o Girabola2015. Frágil esperança , pois, são remotas as possibilidades do Recreativo do Libolo desperdiçar a oportunidade que tem. As contas do 1º de Agosto não são muito diferentes as do Benfica de Luanda.

Ou, o Libolo precisa de perder três partidas e os militares ganharem todos os jogos, pois a igualdade pontual favorece a formação de Calulo.
Em situação pior está o Kabuscorp do Palanca, quarto classificado e cujas hipóteses de conquistar não são remotas, mas remotíssimas. Ou seja, a equipa orientada por Miller Gomes tem menos possibilidades entre dos três perseguidores do Libolo.

Desse modo, resta a equipa de Bento Kangamba discutir a segunda posição do Girabola, onde as hipóteses são mais viáveis. A distância que o separa do 1ºde Agosto ê de dois pontos (48-46), e podem ser recuperados. Sabe-se no entanto que a segunda posição já não leva a lugar nenhum, salvo se o primeiro classificado desistir de competir nas Afrotaças, Liga dos Clubes Campeões.