Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Libolo favorito na visita ao Progresso

Betumeleano Ferr?o - 26 de Fevereiro, 2017

Os sambilas vo a Cidadela pressionado de todos os lados e a apreenso causada pela ausncia de vitrias

Fotografia: Jos Cola

O domingo vai ser de enorme agitação para o Progresso Sambizanga e Recreativo do Libolo, partida que promete levar ao rubro o Estádio dos Coqueiros esta tarde a partir das 15h30\'.

As duas equipas estão atarefadas em provar de que material competitivo estão formatados, com os donos da casa a tentarem repetir o efeito surpresa diante dos favoritos libolenses, que às vezes tombam em Luanda diante dos sambilas.

A equipa de Calulo aparenta ter aprendido às lições do ano passado e encara este duelo com um único objectivo, manter a sequência de vitórias. Este é uma meta capaz de ser alcançada, mas para isto é imperioso que olhem para a época 2016, já que não foram irrepreensíveis e foram afastados pelos sambilas da corrida pelo título.

Como é seu apanágio o Progresso demora a engatar no campeonato, mas como sempre, é capaz de dar o ar da sua graça quando menos se espera. A formação do Sambizanga tem tido boas memórias diante deste adversário, mas fica claro que a equipa do Cuanza Sul quer evitar a todo o custo sofrer um novo revés diante do carrasco da época passada.

Os sambilas vão a Cidadela pressionado de todos os lados e a apreensão causada pela ausência de vitórias é algo que os libolenses vão tentar usar a seu proveito para desestabilizar ainda mais o apositor. O jogo só termina depois do apito final, mas se o Libolo marcar primeiro e souber tirar proveito deste avanço, dificilmente será alcançado.

O Libolo ainda está a lutar para \'curar as feridas\' da época passada, mas vingança Progresso é um sentimento que o técnico Vaz Pinto nem de perto quer ver no seu balneário. A equipa de Calulo sabe o que quer e vai se esforçar em manter o aproveitamento cem por cento vitorioso para aumentar as chances de terminar em primeiro no Girabola ZAP.

A campanha da formação de Kito Ribeiro ainda está a ser feita sem o sabor da vitória e um triunfo esta tarde iria aumentar a auto-estima dos sambilas, e seguramente iriam aumentar a folga para a equipa técnica, cujo regresso a casa, por enquanto não está a ser muito famoso.

 Um empate até certo ponto seria um bom resultado para os sambilas, porque vai somar um ponto diante de um adversário de um outro campeonato, mas o mesmo não se aplica ao Libolo. Não perder é o que vai mover os libolenses na Cidadela e os três pontos, é que vão manter o treinador e equipa no pelotão de frente do campeonato nacional.