Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Lundas atentos aos militares

22 de Agosto, 2017

O Sagrada Esperana com 38 pontos,ocupa actualmente o terceiro lugar na tabela classificativa.

Fotografia: Jos Soares| Edies Novembro

O Sagrada Esperança da Lunda -Norte continua aprimorar os aspectos físico, táctico e psicológico, com vista a manutenção dos níveis técnicos dos jogadores para o jogo frente ao 1º de Agosto este domingo, no Estádio 11 de Novembro, depois do interregno registado no Girabola 2017.

O técnico -adjunto Roque Sapiri, afirmou à Angop naquela cidade, que apesar da paralisação de aproximadamente 20 dias, o grupo está a trabalhar fundamentalmente na correcção dos erros que ainda persistem, sobretudo na finalização, de formas a aprimorar cada vez mais os aspectos do jogo.

Em seu entender, a paragem prolongada é bastante preocupante, já que condiciona o ritmo competitivo da equipa para os compromissos definidos para esta época, nas duas provas em que estão envolvidos. “As paragens trazem sempre aspectos negativos, em termos de comportamento dos próprios atletas, uma vez que não é possível manter o ritmo competitivo da equipa”, deplorou Roque Sapiri, prometeu manter o mesmo espírito competitivo, com vista à consolidação na tabela classificativa.

 Sobre os amistosos fora do Dundo, explicou que permitiu fazer a avaliação e observar os atletas, por falta de agremiações desportivas com o mesmo nível na localidade, e desta forma de contribuir na disputa da 22ª jornada do Girabola com o 1º de Agosto a 27 do mês em curso, em Luanda. 

 O responsável técnico dos lundas considerou que embora a jogar com um candidato ao título, e também  favorito no desafio pelo factor casa, não pensa o embate como sendo de decisões. O Sagrada Esperança com 38 pontos,ocupa actualmente o terceiro lugar na tabela classificativa.