Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Militares antevem dificuldades frente aos lundas

Jorge Neto - 13 de Abril, 2019

Plantel agostino est precavido para no ser surpreendido em casa pelos lundas

Fotografia: Jos Cola | Edies Novembro

O técnico-adjunto do 1º de Agosto, Ivo Traça, considerou a recepção ao Saurimo FC, amanhã às 17h00, no estádio 11 de Novembro, como um dos jogos mais difíceis que terão pela frente no campeonato, em função da actual situação que o adversário atravessa no campeonato.O antigo médio militar e internacional angolano, minimiza o momento financeiro conturbado que os lundas vivem, assim como a actual posição na classificação. Cauteloso no lançamento do jogo, antevê um adversário motivado e disposto a complicar os objectivos do líder.

" Este tipo de jogo é muito difícil, talvez um dos mais difíceis do campeonato esta época, porque o adversário nada tem a perder e naturalmente vem motivado, para complicar os nossos objectivos. Normalmente jogam bastante recuados e temos que encontrar formas de passar pela sua defesa. Acreditamos que vamos conseguir e ganhar o jogo\", disse, ontem, à imprensa.Ivo Traça apontou, como meta principal, o regresso aos triunfos, numa partida onde, apesar de respeitar o Saurimo FC, assume que são favoritos. "Queremos regressar às vitórias, para manter a liderança do campeonato\", realçou.

\"Sabemos que temos uma tarefa difícil, mas não existem adversário fáceis. Os jogadores estão motivados e pensamos que iremos atingir os nossos objectivos com muita determinação\", avançou.Os militares vêm de um empate nulo frente ao arqui-rival, Petro de Luanda, e ambicionam regressar aos triunfo nesta partida diante de um opositor, teoricamente fragilizado, depois de quatro dias sem treinar devido a greve.

Depois de falhar o clássico, o extremo congolês democrático Kila, continua em dúvida para este jogo, e aguarda pelo aval do corpo médico. \"O Kila está a fazer alguns testes e se o resultado for positivo, naturalmente que iremos contar com ele\", sublinhou.Disse mais adiante, que \"nesta altura, aguardamos por uma resposta do departamento médico\", sustentou o auxiliar do sérvio Dragan Jovic, em relação ao atacante.O guarda-redes Tony Cabaça cumpre o quarto e último jogo de castigo imposto pelo Conselho de Disciplina da FAF, por conduta imprópria, daí que a baliza continua sob a responsabilidade de Neblú, que, em três desafios, manteve as redes rubro e negras invioláveis.