Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Militares atacam lees

Jorge Neto - 28 de Agosto, 2015

Treinador-adjunto da equipa do 1 de Agosto assegura que esto atentos equipa do Sporting de Cabinda com quem jogam esta semana

Fotografia: Kindala Manuel

A recepção ao Sporting de Cabinda, no próximo  domingo, às 17h00, no estádio 11 de Novembro, em desafio referente à 24ª jornada do Girabola, centraliza neste momento todas as atenções do 1º de Agosto, que espera evitar qualquer surpresa.

O técnico-adjunto Felipe Nzanza anteviu um adversário empenhado em somar pontos, caso lhe seja dado oportunidades, em função da posição pouco cómoda que atravessa na tabela de classificação, mas os militares estão bastante concentrados em continuar no senda das vitórias.

"Acho que o objectivo é sempre ganhar o jogo. Sabemos que vamos enfrentar uma equipa que está a lutar para não descer de divisão, mas vamos entrar em campo para ganhar o jogo", disse na última quarta-feira, no final do jogo diante do FC Bravos do Maquis, em acerto da 18ª ronda.

Sobre o triunfo frente aos maquisardes, por 2-0, o antigo médio e capitão militar mostrou-se satisfeito pelo resultado, apesar de que considera que o adversário podia ter marcado pelo menos um golo.

"Era o nosso objectivo ganhar o jogo, mas acima de tudo, jogámos com uma grande equipa, o Maquis. O importante é que soubemos aproveitar as oportunidades que tivemos no primeiro tempo, mas na segunda parte eles equilibraram bem o jogo e mereciam pelo menos um golo", analisou.

A vitória diante dos maquisardes aumentou a motivação do plantel rubro-negro, que quer aproveitar o embalo para continuar no caminho dos triunfos.

Apesar de ocupar a modesta 12ª posição da tabela de classificação, os leões do Norte podem vir à capital do país e tentar uma surpresa, situação que os pupilos de Dragan Jovic querem evitar à todo o custo.