Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Militares da Frente Sul esperam contrariar

Benigno Narciso, Lubango - 19 de Janeiro, 2019

Bruno de Jesus e o defesa Sidney, titulares habituais, deixam ainda mais fragilizado o conjunto hulano na sua deslocao provncia mais ao Norte do pas.

Fotografia: Jornal dos Desportos

O Desportivo da Huíla está determinado a lutar, para contrariar o favoritismo do Sporting de Cabinda, equipa qualificada como um adversário difícil e favorito. Os huílanos auguram um resultado favorável, no desafio desta tarde a partir das 15h30, no Estádio do Chiaze, em Cabinda.
“Esperamos fazer o melhor. O Sporting de Cabinda é um adversário muito difícil,  preparamos este jogo, estamos prontos a fazer um bom resultado para contrariar o adversário”, definiu ontem no Lubango, antes da viagem, na antevisão ao jogo, Hélder Cruz, técnico -adjunto de Mário Soares.
Ciente das dificuldades a enfrentar para chegar ao triunfo, acrescentou que a missão afigura-se ainda mais difícil, pelo facto dos leões serem uma equipa muito bem orientada tecnicamente, o que eleva ainda mais a previsão do grau de dificuldades.
“Sabemos que o Sporting de Cabinda é um adversário muito difícil e uma equipa que está a ser muito bem orientada. Esse é também um aspecto que pode dificultar ainda mais a nossa tarefa na deslocação à Cabinda”, reconheceu.
Hélder Cruz reconheceu, que uma vitória permite elevar para sete, a sequência de igual número de jogos vitoriosos e permanecer nos lugares do topo da tabela classificativa, em que ocupa actualmente a segunda posição com 22 pontos.
Admitiu, que o Desportivo vai debater-se com inúmeras limitações na constituição da equipa inicial, a julgar pelo número de unidades fundamentais na manobra da equipa, que se encontram limitados fisicamente e estão fora das contas para este desafio.
Trata-se dentre outros, do avançado nigeriano Rasaq, dos médios Nandinho que trabalha para alcançar a plenitude da forma física, após a desvinculação do Petro de Luanda no início da presente edição do Girabola Zap. Bruno de Jesus e o defesa Sidney, titulares habituais, deixam ainda mais fragilizado o conjunto huílano na sua deslocação à província mais ao Norte do país.