Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Militares de olho na primeira final

Jorge Neto - 27 de Abril, 2019

Campeo tem teste difcil na 28 jornada do campeonato nacional

Fotografia: Vigas da Purificao, Edies Novembro

O técnico -adjunto do 1º de Agosto, Ivo Traça, considerou ontem, durante uma conferência de imprensa  realizada no ex -RI 20, difícil a recepção ao FC Bravos do Maquis que está calendarizada para amanhã às 17h00, no Estádio 11 de Novembro, mas garantiu que ambiciona apenas a vitória, para manter o objectivo da conquista do tetracampeonato. 
O auxiliar de Dragan Jovic revelou que vão controlar as emoções, para enfrentar e derrotar uma formação que vem com os objectivos bem definidos, melhor, \"roubar\" pontos ao tricampeão nacional.
\"Será mais um jogo difícil, em que devemos controlar as nossas emoções. Esperamos,  um Bravos do Maquis muito forte, com garra e concentrado, porque querem complicar os objectivos do 1º de Agosto, neste jogo, naturalmente, pensamos apenas na vitória\", disse ontem à imprensa, no ex - RI20.
Ivo Traça reconheceu, que têm três jogos decisivos pela frente, que estão a ser encarados como autênticas finais,  para chegar ao tetracampeonato.
\"Temos três finais por disputar e as finais são jogadas para serem vencidas. Com maior ou menor dificuldades, temos de vencer os jogos que faltam, para conquistar o título\", afirmou o antigo médio militar.
O moral dos jogadores é descrito por Ivo Traça como dos melhores, dado o facto de somar um ponto na deslocação ao Dundo,  na passada quarta-feira.  
\"Psicologicamente, os jogadores estão bem, o importante foi não perder na jornada passada, é verdade que saímos tristes da Lunda Norte, mas já passou, os jogadores estão motivados e queremos ganhar no domingo (amanhã)\", destacou o antigo médio rubro - negro.
O defesa-central Bobó pode regressar ao \"onze\" inicial, depois da lesão contraída na 26ª jornada, diante do Recreativo da Caála, em que cedeu o lugar, no jogo passado, ao Bonifácio. O congolês democrático é uma das principais unidades defensivas dos rubro -negros e faz dupla com o capitão Dany Massunguna.
Após duas convocatórias, depois de recuperar de uma lesão, o extremo Nelson da Luz disputa no regresso a titularidade, sabe que tem diante de si jogadores experientes e que atravessam bom momento de forma.
 
DAGO GANHA ESPAÇO

O avançado congolês democrático, Dago Tshibamba, ganha cada vez mais espaço no ataque do 1º de Agosto. O jogador está a destacar-se nos últimos jogos e é uma  unidade ofensiva para o jogo de amanhã com o FC Bravos do Maquis. 
A par de Kila, Dago é um dos reforços contratados pelos rubro -negros para a segunda volta do Girabola Zap, e ao contrário do primeiro, teve uma adaptação mais lenta à filosofia de jogo implementada pelo técnico sérvio Dragan Jovic.
O avançado vem do Motema Pembe, marcou três golos nos últimos quatro jogos, é o jogador com a pontaria mais afinada nas jornadas citadas, reclama com mérito a titularidade.
Dago finalizou, pela primeira vez na 24ª ronda, na vitória de 2-0, sobre o Saurimo FC, a seguir na jornada seguinte na goleada por 4-2, frente ao Sporting de Cabinda. O Sagrada Esperança da Lunda - Norte, na ronda anterior, 27ª, foi a terceira equipa a ir buscar a bola ao fundo das redes.