Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Militares e Sambilas dominam fecho da jornada

16 de Agosto, 2015

1 de Agosto quer manter a esperana de lutar pelo ttulo at ao fim

Fotografia: Paulo Mulaza

Apesar dos militares guardarem uma remota hipóteses de chegarem ao título, o certo é que o comannate da prova vai matando de jornada a jornada, qualquer esperança da equipa do Rio Seco.

Ainda assim, é prudente ganhar e ver o que futuro reserva a equipa rubro negra, no presente Girabola. Para já, é um adversário complicado e que joga sem medo. Tem sido, aliás, uma das equipas mais complicadas para os militares. No entanto, os últimos resultados da formação do 1º de Agosto traduzem um balneário confiante e motivado, apesar do principal objectivo ter sido "hipotecado". Ary Papel, uma das principais estrelas da equipa, voltou aos golos. E para acompanhar nessa caminhada está o inevitável Gelson.

Os sambilas estão bem posicionados na classificação, o que lhes transmite conforto emocional para defrontarem com naturalidade os militares. Embora os nomes da equipa militar sejam mais sonantes, nesse derby não se pode prever o desfecho ou não fosse esta uma das características dessa partida. Completam a jornada o Desportivo da Huíla que recebe o Bravos do Maquis, separados por escasso um ponto com vantagem para os militares da Região Sul, equipa que está proíbido de perder pontos em casa, enquanto os maquisardes jogam pelo prestígio e profissionalismo.

No Lobito, a Académica a fecetuar uma campanha trepidante mede forças com o Sagrada Esperança, que renasceu e ainda mantém a esperança de lograr os objectivos traçados. Quanto aos estudantes, este teste pode ser determinante para manter a estabilidade emocional da equipa.