Jornal dos Desportos

Director: Matias Adriano
Director Adjunto: Policarpo da Rosa
Girabola

Militares j contam com Jovic

Jorge Neto - 30 de Junho, 2016

Treinador do 1 de Agosto orienta a equipa na sesso de amanh

Fotografia: Jos Soares

O técnico principal da equipa do 1º de Agosto, Dragan Jovic, regressa amanhã ao país, depois  de duas semanas na Europa, junto dos seus familiares, devido à pausa que se regista no Girabola Zap, após o final da primeira volta da competição.

O timoneiro militar pode orientar o conjunto neste dia, ou na sessão de sábado, conforme a hora da  chegada ao país.
Depois de duas semanas de descanso, os militares treinaram na segunda e na terça-feiras, folgaram ontem, para retomar hoje às 8h30, no campo do ex-RI20, numa sessão de mais ou menos 1h30.

Nos dois dias do arranque de preparação, Filipe Nzanza incidiu os trabalhos na recuperação dos aspectos físicos, em função do tempo que os jogadores estão sem competir, depois da derrota que ditou o afastamento do 1º de Agosto nos 16 avos -de -final da Taça de Angola, diante do Benfica de Luanda, por 2-0.

Curiosamente, os militares enfrentam a formação da águia, no dia 9 de Julho, no Estádio 11 de Novembro, no desafio da 16ª jornada do Girabola Zap, no que é o terceiro jogo entre os dois emblemas, esta época, e o segundo em menos de um mês.

Nos primeiros treinos, realizados esta semana, foi notária a entrega dos atletas e a disposição em cumprir as orientações da equipa técnica, com o objectivo de convencerem os treinadores sobre as suas qualidades, principalmente, no que respeita aos jogadores menos utilizados.

Os lideres isolados do campeonato, com 35 pontos, mais cinco em relação ao segundo classificado, Recreativo do Libolo, apostam o mesmo plantel para "atacar" a segunda volta, sem dispensas nem entradas.

Gerir os pontos de vantagem que têm sobre os mais directos perseguidores, é o grande objectivo dos militares, que ambicionam conquistar o título de campeão, que foge há dez anos da sua Galeria.

Ibukun e Jumisse
integram plantel



Com a integração dos médios Ibukun (nigeriano) e Jumisse (moçambicano) na sessão desta manhã, às 8h30, no campo do ex -RI20, o plante do 1º de Agosto trabalha esta semana com o grupo completo, com excepção de Romaric (gabonês), que tem a chegada prevista para amanhã.

Regressados dos respectivos países, os dois jogadores aproveitaram o repouso de sete dias concedidos por Dragan Jovic, para visitar as famílias e retemperar energias para o arranque da segunda volta do Girabola Zap.

Os atletas regressaram ontem, mas treinam hoje, em função da folga registada na quarta-feira, enquanto o gabonês só se junta no sábado ao grupo, na sessão que pode ser já orientada pelo treinador principal.

Com a equipa disponível, os militares começaram a esboçar a estratégia para a conquista da única competição desta época, após o afastamento nos 16 avos de final da Taça de Angola.

Deste modo, o médio ofensivo Ibukun e o médio defensivo Jumisse engrossam o número de jogadores que trabalham, nesta fase, sob o comando do técnico - adjunto, Filipe Nzanza.
O nigeriano e o moçambicano fazem parte do "esqueleto" base do conjunto do rio seco, são habituais titulares no onze principal, pois realizaram  grande parte dos jogos disputados nas primeiras 15 jornadas do Campeonato Nacional da Primeira Divisão.

Integrados na filosofia de trabalho de Dragan Jovic, uma vez que cumprem a terceira época no campeonato nacional com a camisola rubro -  negra, contratados no segundo ano da "era" do técnico luso - moçambicano, Daúto Faquirá, os atletas são mais valias na equipa do 1º de Agosto. 

Os dois jogadores comungam do objectivo principal da equipa militar, ou seja, sagrarem-se campeões nacionais este ano, uma intenção sempre reiterada pelos mesmos, nas entrevistas concedidas à imprensa.

Quanto a Romaric, a sua integração reforça ainda mais o meio - campo,  aumenta o despique para um lugar no onze inicial da formação do RI-20, e manter o plantel ainda mais forte para o ataque ao título, que foge do "rio seco" há uma década.